Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
24/05/13 às 20h41 - Atualizado em 30/10/18 às 15h05

16 fisioterapeutas começam a trabalhar em Ceilândia

COMPARTILHAR

Hospital passa a contar com 31 profissionais


Nesta sexta-feira (24), 16 fisioterapeutas foram recebidos pela equipe da Coordenação Geral de Saúde de Ceilândia, para trabalhar nas Unidades de Terapia Intensiva Adulto e Neonatal, além de reforçar os atendimentos no ambulatório.

O Hospital Regional de Ceilândia (HRC) conta com o serviço de fisioterapia desde 2004. “Éramos apenas três, depois passamos a ser 17 e a partir de hoje teremos 31 técnicos. É uma conquista importante para nossos pacientes, principalmente os que passam por cirurgias ortopédicas ou tem seqüelas neurológicas”, ressalta Renata Nóbrega, coordenadora do serviço de fisioterapia de Ceilândia.

Lucimar Gonçalves Zero, coordenadora de Saúde de Ceilândia, observa que o serviço de fisioterapia terá muitos ganhos em 2013. “Além da chegada dos novos servidores, o ambulatório será reformado e serão comprados equipamentos”, diz.

A fisioterapia de Ceilândia realiza uma média de 1000 atendimentos por mês, entre pacientes das UTIs e ambulatório. “A maioria de nossos pacientes está em monitorização ventilatória, em estado crítico ou tem sequelas motora ou respiratória”, informa Renata Nóbrega.

A coordenadora de Saúde de Ceilândia informou, ainda, que um dos novos fisioterapeutas irá integrar o Núcleo de Apoio à Saúde da Família (Nasf), dando suporte às equipes da Estratégia Saúde da Família. Dois fisioterapeutas do Núcleo Regional de Atenção Domiciliar (NRAD) atendem os pacientes em casa.

Regina Célia