Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
19/09/19 às 11h00 - Atualizado em 19/09/19 às 11h53

Arte se alia à saúde na recuperação de pacientes

COMPARTILHAR

Artesanato e terapia beneficiam pessoas com depressão e ansiedade

 

A arte, aliada ao trabalho de profissionais, pode trazer alívio a pacientes que sofrem com problemas psicológicos, como depressão e ansiedade. A prova disso é o trabalho do Grupo Arte e Saúde, formado pela equipe da Unidade Básica de Saúde (UBS) 1 de Santa Maria. Práticas como automassagem e uma oficina de artesanato são oferecidas a 15 pacientes atendidos naquela região administrativa.

 

Eles fazem bonecas de pano, conversam entre si e com a equipe de profissionais sobre os problemas cotidianos, aprendem acerca dos benefícios da automassagem, além de se consultarem com a médica de família e comunidade, encarregada de prescrever novas receitas, quando necessário.

 

A ideia foi colocada em prática há pouco mais de um ano, quando os profissionais de saúde reuniram os pacientes atendidos na UBS onde havia demanda reprimida durante as consultas e que utilizam muitos medicamentos. O objetivo era melhorar a autoestima deles, ao mesmo tempo em que faziam atividades prazerosas.

 

“O propósito da atividade era fazer terapias para reduzir a medicação e garantir a eles uma melhor qualidade de vida. Com o apoio de uma igreja, em Santa Maria, que cedeu o espaço, abrimos um local para atender a esse público”, explicou a técnica de Enfermagem da equipe, Eliete Almeida.

 

Além do auxílio nas questões emocionais, a arte produzida pelos pacientes é vendida em bazares e parte do dinheiro é usada para comprar mais materiais. “Isso acaba ajudando também na renda de alguns pacientes, já que é uma arte feita por eles”, conta Eliete.

 

As pessoas atendidas pela unidade e que desejam participar das atividades podem deixar seu nome no local. O serviço é oferecido em uma igreja, localizada na quadra 209 Sul de Santa Maria, toda quarta-feira, das 8h às 10h.

 

A equipe do Grupo Arte e Saúde é formada por uma médica de família e comunidade, duas técnicas de Enfermagem e três agentes comunitários de saúde da UBS 1.

 

Leandro Cipriano, da Agência Saúde
Fotos: Divulgação/Saúde-DF