Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
4/05/18 às 13h16 - Atualizado em 15/08/18 às 12h22

Centros de Atenção Psicossocial – CAPS

Os Centros de Atenção Psicossocial (CAPS), nas suas diferentes modalidades, são pontos de atenção estratégicos da Rede de Atenção Psicossocial (RAPS). Trata-se de um serviços de saúde de caráter aberto e comunitário, constituído por equipe multiprofissional, que atua sobre a ótica interdisciplinar e realiza, prioritariamente, atendimento às pessoas com sofrimento ou transtorno mental. Esse atendimento inclui as pessoas com necessidades decorrentes do uso de álcool e outras drogas, em sua área territorial, seja em situação de crise ou nos processos de reabilitação psicossocial. Os CAPS substituem o modelo asilar.

Conheça, também, a rede de atenção em Saúde Mental do Distrito Federal. 

 

Modalidades:

  • CAPS I: atendimento a todas as faixas etárias para transtornos mentais graves e persistentes, inclusive pelo uso de substâncias psicoativas; atende cidades e/ou regiões com, pelo menos, 15 mil habitantes.
  • CAPS II: atendimento a todas as faixas etárias, para transtornos mentais graves e persistentes, inclusive pelo uso de substâncias psicoativas; atende cidades e/ou regiões com, pelo menos, 70 mil habitantes.
  • CAPS i: atendimento a crianças e adolescentes com transtornos mentais graves e persistentes, inclusive pelo uso de substâncias psicoativas; atende cidades e/ou regiões com, pelo menos, 70 mil habitantes.
  • CAPS-ad – Álcool e Drogas: atendimento a todas faixas etárias; especializado em transtornos pelo uso de álcool e outras drogas; atende cidades e/ou regiões com, pelo menos, 70 mil habitantes.
  • CAPS III: atendimento com até 5 vagas de acolhimento noturno e observação; para todas as faixas etárias; atende transtornos mentais graves e persistentes, inclusive os provocados pelo uso de substâncias psicoativas, em cidades e/ou regiões com, pelo menos, 150 mil habitantes.
  • CAPS-ad III – Álcool e Drogas: atendimento com 8 a 12 vagas de acolhimento noturno e observação; funcionamento de 24 horas; para todas faixas etárias; para transtornos pelo uso de álcool e outras drogas, em cidades e/ou regiões com, pelo menos, 150 mil habitantes.

Requisitos para consulta: ser morador do DF

Acolhimento: não é necessário agendar

Documentos necessários para cadastro: identidade e comprovante de residência

Prestação do serviço: presencial

Principais serviços: Lista_de serviços_e_unidades_em Saúde_Mental

Prioridade de atendimento: gestantes e os extremos de idade também são considerados fatores de agravos à saúde. Assim, pacientes em qualquer idade gestacional, idosos e crianças com idade inferior a 6 meses têm prioridade de atendimento

Horário de atendimento: 

Lista_de servicos_e_unidades_em Saúde_Mental