Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
4/10/13 às 15h30 - Atualizado em 30/10/18 às 15h08

Comitiva de Angola visita Banco de Leite de Taguatinga

COMPARTILHAR

Para conhecer a estrutura física e o processo de coleta e distribuição

 

A comitiva da República de Angola visitou o Banco de Leite Humano do Hospital Regional de Taguatinga (BLH/HRT), nessa quinta-feira (03). O objetivo foi conhecer a estrutura física da unidade, bem como, participar do processo de seleção, classificação, processamento, controle de qualidade e distribuição do leite humano pasteurizado.

“Estamos em fase de implementação do Banco de Leite Humano em Angola, e para nós é uma experiência muito significativa conhecer o BLH/HRT. Quando o nosso banco for inaugurado, queremos seguir alguns exemplos de serviços realizados aqui, a exemplo da parceria com o corpo de bombeiro. Por isso, trouxemos um profissional na área, para levar o conhecimento a outros bombeiros”, destaca a médica neonatologista e coordenadora do banco de leite angolano, Elisa Gaspar.

O bombeiro militar Manoel Monteiro destaca a sua emoção ao falar do trabalho de buscar o leite materno na residência da doadora. “Buscar o leite humano que foi doado a um bebê é um trabalho que envolve dedicação e muito empenho, é preciso fazer tudo com muito amor”, disse o angolano, que também é enfermeiro.

“Ficamos muito honrados em receber delegações estrangeiras em nosso banco de leite. Continuamos a ser o único banco no país que alimenta os recém-nascidos com 100% de leite materno, graças ao trabalho responsável dos profissionais e a solidariedade das mães doadoras”, destaca o coordenador-geral de Saúde de Taguatinga, Otávio Augusto de Siqueira, o banco de leite tem muito a comemorar neste aniversário.

De janeiro a agosto deste ano, o BLH/HRT realizou 24.251 atendimentos em grupo; 35.708 atendimentos individuais; 7.402 exames; 2.460 visitas domiciliares; coletou 1.457 litros de leite humano; distribuiu 1.073 litros de leite; recebeu 481 doadoras de leite materno e atendeu 1.403 receptoras.   

 

Claudete Nascimento