Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
19/05/17 às 17h07 - Atualizado em 30/10/18 às 15h17

Conferência de Saúde tem 95% de público feminino na região Centro Sul

COMPARTILHAR

Próximo encontro será neste sábado (20), em Ceilândia Norte

BRASÍLIA (19/5/17) – A terceira Conferência Regional de Saúde das Mulheres, realizada na Região Centro Sul, nesta sexta-feira (19), teve participação de aproximadamente 80 pessoas, sendo 95% do público feminino. Com a temática principal Desafios para a integralidade com equidade, as conferências regionais são abertas à população e antecedem a Conferência Distrital de Saúde das Mulheres, que ocorrerá nos dias 30 de junho e 1º de julho.

“Nós tivemos uma participação massiva de mulheres nessa região de saúde, que possui o maior número de regiões administrativas vinculadas. Essa contribuição é fundamental para elabora propostas para melhorar as políticas públicas para as mulheres”, destacou a chefe da Assessoria de Gestão Participativa e Relações Institucionais da Secretaria de Saúde, Danielle Cavalcante.

A região Centro Sul inclui a Asa Sul, Lago Sul, Núcleo Bandeirante, Riacho Fundo I e II, Park Way, Candangolândia, Guará, Estrutural e SIA. Mais de 240 mil habitantes são do sexo feminino e, na maioria desses locais, essa parte da população supera 50%, como é o caso da Asa Sul, que possui 58 mil mulheres e 56.28% da parcela feminina.

A superintendente da região, Akaleni Bernadino, ressalta que as conferências abrem espaço para as mulheres fortalecerem direitos. “Esse debate é importante porque a mulher se coloca como protagonista na discussão para construir ações de Estado, de acordo com as necessidades femininas”, finalizou.

CONFERÊNCIAS – As conferências são convocadas pelo Ministério da Saúde e Conselho Nacional de Saúde. No Brasil, apenas uma conferência com essa temática foi realizada há mais de 30 anos. Cada uma das sete regiões de saúde vai elaborar 12 propostas com políticas para o DF ou de aplicação nacional que serão apresentadas na Conferência Distrital de Saúde das Mulheres.

Nos encontros, que precisam ter público mínimo de 60% de mulheres, serão eleitas delegadas, sendo 50% delas usuárias, 25% gestoras e 25% trabalhadoras.

No total, são 192 delegadas eleitas nas regiões e outros 28 membros natos do Conselho de Saúde do DF, totalizando 220 delegadas. O quantitativo de representantes depende do número de habitantes de cada região. “Das 220 delegadas, 36 serão eleitas para participarem da Conferência Nacional”, complementou Úrsula.

A próxima conferência regional será realizada na Região de Saúde Oeste, amanhã (20), das 7h30 às 14h, no Centro de Referência de Assistência Social (Cras) QNN 15, AE Módulo A, Via Oeste, Ceilândia Norte.

Confira as fotos aqui.

Cartaz da Conferência de Saúde da Mulher do DF
Arte para Whatsapp da Conferência de Saúde da Mulher do DF
Arte para Whatsapp – Região Sul
Arte para Whatsapp – Região Leste
Arte para Whatsapp – Região Oeste
Arte para Whatsapp – Região Norte