Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
17/10/13 às 15h49 - Atualizado em 30/10/18 às 15h08

DF receberá 33 profissionais estrangeiros do Mais Médicos

COMPARTILHAR

Eles vão atuar na atenção básica


O Distrito Federal deve receber, na próxima semana, 33 médicos estrangeiros do programa Mais Médicos do governo federal. O anúncio foi feito pelo secretário de Saúde, Rafael Barbosa, durante solenidade de reinauguração de um posto de saúde na região da Fercal, em Sobradinho, nesta quinta-feira de manhã.

 

Rafael Barbosa disse que recebeu a confirmação do Ministério da Saúde. O “Mais Médicos” do governo federal já beneficiou seis regiões administrativas de Brasília. Os profissionais encaminhados por meio do programa vão atuar na atenção básica.

 

Em setembro, a SES-DF recebeu sete médicos e, numa segunda etapa, nove profissionais que irão trabalhar no Riacho Fundo (3), Recanto das Emas (2), Samambaia (1), Ceilândia (1), Gama(1) e Santa Maria(1), tanto nas unidades básicas de saúde como nas residências dos pacientes por meio das visitas domiciliares.

 

O programa

 

Lançado pela presidente da República, Dilma Rousseff, no dia 8 de julho, o Mais Médicos faz parte de um amplo pacto de melhoria do atendimento aos usuários do SUS, com objetivo de acelerar os investimentos em infraestrutura nos hospitais e unidades de saúde e ampliar o número de médicos nas regiões carentes do país, como os municípios do interior e as periferias das grandes cidades.

 

Mais de 95% dos municípios contemplados nesta etapa do “Mais Médicos” recebem investimentos do Ministério da Saúde para melhoria da infraestrutura. Dos 579 municípios contemplados, 557 (96%) participam do Programa Requalifica UBS e estão recebendo recursos para construção, reforma e ampliação de Unidades Básicas de Saúde. Já o Programa Nacional de Melhoria do Acesso e da Qualidade da Atenção Básica (PMAQ) beneficia 551 cidades que receberão médicos pelo programa.