Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
1/08/19 às 11h12 - Atualizado em 21/07/20 às 13h40

Diálise Peritoneal 

Descrição

A Diálise Peritoneal é uma das formas de tratamento para pacientes com falência da função renal, cuja função é remover impurezas e excesso de líquido do sangue. Existe uma fina membrana, localizada no abdome. É esta membrana que filtra o sangue do paciente durante a diálise. O procedimento pode ser feito em casa, o que proporciona melhora na qualidade de vida do paciente uma vez que ele pode ter mais controle sobre a programação da diálise.

_

O procedimento se desenvolve da seguinte maneira: em um primeiro momento, um pequeno e fino tubo, chamado de cateter, é cirurgicamente passado pela parede abdominal por meio de uma pequena incisão até a cavidade peritoneal. Em geral a Terapia tem o seu início de 10 a 14 dias após a passagem do cateter. Todavia, pode-se iniciar em até 24 horas após a passagem do cateter a depender da necessidade clínica do paciente.

A utilização do tubo permite a passagem da solução de diálise até a cavidade peritoneal. Uma vez que esta solução esteja dentro da cavidade acontece a troca de substâncias tóxicas que se encontram no sangue do paciente para este líquido. Após um tempo de permanência na cavidade peritoneal o líquido é drenado levando consigo toxinas e o excesso de líquido do corpo.

_

Há dois tipos de Diálise Peritoneal: a Diálise Peritoneal Ambulatorial Contínua e a Diálise Peritoneal Automatizada. Na Secretaria de Estado de Saúde do Distrito Federal, o serviço é oferecido a você da seguinte forma:

          • Implantação de cateteres Tenckoff; e

          • Treinamento e manutenção de diálise peritoneal automática; ou

          • Treinamento e manutenção de diálise peritoneal ambulatorial continua;


Requisitos, Formas de acesso e Documentação necessária

Para ter acesso ao serviço necessita primeiro obter a indicação do médico nefrologista e ser advindo dos ambulatórios da hemodiálise.

_

Após a consulta e indicação do médico nefrologista para iniciar o tratamento dialítico através da diálise peritoneal, você será inserido no sistema de regulação da SES/DF. Ao ser chamado para iniciar o procedimento, você necessitará apresentar um documento oficial de identificação e o Cartão Nacional do SUS (CNS) e as etapas do atendimento serão: Avaliação inicial, consulta familiar e treinamento de 15 a 30 dias.

_

O serviço é oferecido nos seguintes locais: Hospital Regional de Taguatinga, Hospital Regional do Gama, Hospital Regional de Sobradinho, Hospital da Criança de Brasília, Hospital Universitário de Brasília e CLÍNICAS CONTRATADAS pela SES/DF. São oferecidas 2 vagas por hora. O período de atendimento é de segunda a sexta-feira das 7h às 19h.