Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
29/05/20 às 7h10 - Atualizado em 29/05/20 às 7h33

Distrito Federal é primeiro lugar em transparência sobre a Covid-19

COMPARTILHAR

Avaliação da OKBR posicionou DF como a melhor unidade da federação na divulgação de dados e execução de ações no âmbito

 

DA AGÊNCIA BRASÍLIA*

 

 

O Governo do Distrito Federal (GDF) vem sendo destaque no enfrentamento do novo coronavírus e também na maneira transparente como tem conduzido as questões referentes ao assunto. E foi o quesito transparência que levou o DF, com a nota máxima de 100 pontos, a alcançar o primeiro lugar no ranking da Open Knowledge Brasil (OKBR), anunciado na noite desta quinta-feira (28).

 

A avaliação considera a publicação de informações em sites oficiais do governo referentes a questões que envolvem a pandemia da Covid-19 – como casos, status de atendimento, doenças preexistentes, ocupação de leitos e testes, entre outros enfoques.

 

PORTAL COVID-19 – Além da atualização contínua dos sites oficiais, o GDF também elaborou o Portal Covid-19, centralizando informações sobre contas, painéis de dados e orientações sobre como proceder nos casos de suspeita.

 

O site é monitorado e atualizado todos os dias e conta com o auxílio permanente das secretarias de Saúde (SES) e Segurança Pública (SSP) e da Casa Civil. A página é uma iniciativa da Controladoria-Geral do Distrito Federal (CGDF), que produz conteúdo com recursos disponíveis e sem gastos públicos extras.

 

“É gratificante, uma vez que temos evoluído dia a dia no nível de transparência”, comemora o controlador geral do DF, Paulo Martins. “É um esforço constante, já que estamos em um momento delicado e com tantas questões a serem consideradas. Uma boa notícia que nos anima a continuar nessa luta.”

 

O Portal Covid-19 disponibiliza, desde que foi lançado, todas as compras realizadas na missão de combater a pandemia e manter a população a par das ações do governo.  As informações, abertas ao público em geral, podem ser acessadas por computador ou dispositivos móveis.

Confira os dados da Open Knowledge Brasil (OKBR).

 

*Com informações da CGDF