Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
25/10/16 às 16h37 - Atualizado em 30/10/18 às 15h16

Grupo circense treina voluntários para alegrar pacientes na rede

COMPARTILHAR

Curso é gratuito. Serão oferecidas 40 vagas. Inscrições vão até 7 de novembro

Atualizado em 25/10 às 13h50

BRASÍLIA (21/10/16) – Para formar multiplicadores da palhaçaria no campo da saúde, o Grupo de Circo Teatro Sagrado Riso, promove, em novembro, o curso Profissão Palhaç@, destinado a oferecer gratuitamente a capacitação técnica e a profissionalização de palhaços para atuarem na rede pública de saúde do DF. Serão oferecidas 40 vagas voltadas para pessoas acima de 18 anos.

Os interessados podem se inscrever de 22 de outubro a 13 de novembro, pelo site www.gruposagradoriso.com, onde estão a ficha de inscrição e o regulamento. A divulgação dos selecionados será em 18 de novembro, no mesmo link.

A primeira turma terá início em 21 de novembro e vai até 19 de dezembro, e a segunda em 24 de novembro até 15 de dezembro. As aulas acontecem na Escola Parque da EQS 307/308 – Asa Sul e na Casa do Cantador – Ceilândia Sul, respectivamente.

Os inscritos poderão participar de três etapas do projeto, todas seletivas e com certificação. A primeira será o curso de capacitação, onde os alunos terão a iniciação e o aprofundamento na palhaçaria, com teoria e prática, tendo como pilar a investigação histórica, arquetípica e estética sobre essa arte. O segundo é o estágio probatório, com a experiência de 32h de atuação nos hospitais regionais de Taguatinga, Ceilândia, Samambaia e Asa Norte. Por último, a profissionalização, onde sete artistas serão contratados e remunerados para dar continuidade ao trabalho do projeto nesses hospitais.

A capacitação faz parte do projeto O poder da palhaçaria na humanização hospitalar, contemplado pelo Fundo de Apoio à Cultura (FAC). A ação visa pesquisar e aplicar a arte do Clown no campo da saúde, com o intuito de levar a pacientes, acompanhantes e profissionais da área a química do bom humor e da alegria de viver, bem como favorecer as relações humanas, a fim de gerar bem-estar e qualidade de vida para a comunidade hospitalar.

Para a idealizadora do projeto e palhaça Alessandra Vieira, a ação irá fortalecer o compromisso social aliado à valorização do artista circense. No término do projeto, o elenco selecionado participará da montagem de um espetáculo gratuito, que será também adaptado em libras para o público surdo e mudo, além de ter a oportunidade de entrar para o quadro de profissionais do Grupo Sagrado Riso.

Mais informações pelo e-mail inscricaoprofissaopalhaco@gmail.com ou telefone (61)  98112-6126 (produtora Camila Modicoviski).