Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
28/05/13 às 18h18 - Atualizado em 30/10/18 às 15h05

Dia Internacional de Luta pela Saúde da Mulher é lembrado no HMIB

COMPARTILHAR

Orientação sobre o que fazer em caso de violência 

O Dia Internacional de Luta pela Saúde da Mulher foi comemorado no Hospital Materno Infantil de Brasília (HMIB), nesta terça-feira (28), com a distribuição de cartilhas, explicações sobre a violência contra a mulher e a Lei Maria da Penha. 

A ação foi realizada pelas psicólogas do Projeto Violeta, que atendem mulheres vítimas de abuso sexual, violência física, psicológica e doméstica. Segundo a coordenadora do programa no HMIB, Elizabeth Maulaz Lacerda, em 2012, dos 1.433 atendimentos realizados pelo Violeta, 49% foram casos de violência contra a mulher. 

“A violência é um grave problema de saúde pública, por isso decidimos entregar para as pacientes e funcionárias do hospital alguns informativos sobre como se prevenir, o que fazer e a quem recorrer nessas situações”, explica Elizabeth Maulaz. 

Segundo a psicóloga, mulheres que sofrem violência ou conhecem pessoas que são vítimas desse crime podem denunciar pelo número 180. “A denuncia pode ser anônima. É importante que a mulher reaja, pois quando há  denúncia a tendência é que o homem não repita as agressões”, completa Elizabeth. 

O Programa Violeta oferece auxílio médico, psicológico e social às mulheres que buscam ajuda. As participantes são orientadas e encaminhadas ao atendimento jurídico, além de receberem atendimento médico especializado. 

SAIBA MAIS:

A mulher que se interessar pelo acompanhamento  no HMIB pode ligar no telefone 3445-7669 e agendar um encontro com os profissionais do Projeto Violeta.  

Ludmila Mendonça