Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
12/04/19 às 9h23 - Atualizado em 12/04/19 às 9h25

Hospitais regionais de Santa Maria e do Gama ganharão aquecedores elétricos

COMPARTILHAR

 Equipamentos novos estão sendo instalados e irão substituir as caldeiras até o fim deste mês

 

Dois hospitais da rede pública de saúde do Distrito Federal estão prestes a trocar as caldeiras por aquecedores elétricos. No Hospital Regional do Gama, os novos equipamentos já estão sendo instalados e a desativação das antigas caldeiras está prevista para o fim de abril. O próximo será o Hospital Regional de Santa Maria, cuja instalação também deve ser concluída ainda este mês.

 

As caldeiras são usadas para gerar vapor, utilizado em serviços como esterilização de materiais, lavagem e secagem de roupas, aquecimento de água para banho e, na cozinha, para preparar os alimentos.

 

BENEFÍCIOS – “Ainda não temos o levantamento de custos ou a economia, mas temos a certeza de que os equipamentos elétricos não poluem o meio ambiente e não requerem manutenção constante”, adianta o assessor da Subsecretaria de Infraestrutura, Alan Oliveira. Em razão destes benefícios, a previsão é de que haja redução de custos para a pasta.

 

Já receberam aquecedores elétricos os hospitais da Asa Norte, Taguatinga, Planaltina e da Região Leste (Paranoá). Outras unidades tiveram as caldeiras desligadas – Asa Sul, Sobradinho, Ceilândia e Brazlândia – e as funções antes desempenhadas por esses equipamentos foram substituídas por outras opções, como chuveiro elétrico para banho de pacientes, esterilização com equipamentos elétricos e lavanderia com uso de produtos que utilizam água fria.

 

 

Alline Martins, da Agência Saúde

Fotos: Breno Esaki/Saúde-DF