Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
23/03/15 às 14h40 - Atualizado em 30/10/18 às 15h12

Hospital de Planaltina promove curso sobre aleitamento materno

COMPARTILHAR

Atividades serão ministradas por equipe multidisciplinar

BRASÍLIA (23/3/15) – A Iniciativa Hospital Amigo da Criança (IHAC) de Planaltina promove dois cursos este mês sobre aleitamento materno. O primeiro será no dia 25 de março e o outro dia 27, em dois turnos: das 7h às 12h e 13h às 18h, no auditório do hospital de Planaltina. Ambos serão direcionados aos servidores da área administrativa e prestadores de serviços do Hospital Regional de Planatina. Os cursos serão ministrados por médicos, nutricionistas, enfermeiros, odontólogos, assistente social. E a inscrição pode ser feita até o dia 24 de março, no NEPS de Planaltina.

Segundo a presidente do IHAC, Maria do Socorro Nunes Aguiar, o objetivo do curso é informar sobre as vantagens do aleitamento, “amamentar é a mais sábia estratégia de vinculo, afeto, proteção e nutrição para a criança e é considerada uma das ferramentas mais úteis e de baixo custo que se pode utilizar a nível local para contribuir com a saúde das mães e com o crescimento e desenvolvimento das crianças”, diz.

“Se acordo com a Organização Mundial de Saúde, e o UNICEF, aproximadamente seis milhões de vidas estão sendo salvas a cada ano por causa do aumento das taxas de amamentação exclusiva”, complementa Socorro.

HPRL – A Unidade recebeu o título de Hospital Amigo da Criança em 19 de dezembro de 1996, mantendo-o até hoje. este ano o Hospital será reavaliado. Para credenciamento e manutenção do título, o Ministério da Saúde estabelece 10 passos a serem seguidos.

1 – Ter uma política de aleitamento materno escrito que seja rotineiramente transmitida a toda a equipe de cuidados de saúde.

2 – Capacitar toda a equipe de cuidados de saúde nas práticas necessárias para implementar política.

3 – Informar todas as gestantes sobre os benefícios e o manejo do aleitamento materno.

4 – Ajudar as mães a iniciar o aleitamento materno na primeira hora após o nascimento.

5 – Mostrar às mães como amamentar e como manter a lactação, mesmo se vierem a ser separadas dos seus filhos.

6 – Não oferecer aos recém-nascidos bebida ou alimento que não seja o leite materno, a não ser que haja indicação médica.

7 – Praticar o alojamento conjunto, permitir que mães e bebês permaneçam juntos, 24 horas por dia.

8 – Incentivar o aleitamento materno sob livre demanda.

9 – Não oferecer bicos artificiais ou chupetas a crianças amamentadas.

10 – Promover a formação de grupos de apoio à amamentação e encaminhar as mães a esses grupos na alta da maternidade.