Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
22/05/20 às 13h57 - Atualizado em 22/05/20 às 20h57

HRC recebe nova ação de sanitização contra Covid-19

COMPARTILHAR

Militares do Exército estiveram na unidade para desinfectar superfícies

 

ÉRIKA BRAGANÇA, DA AGÊNCIA SAÚDE

 

Fotos: Divulgação/SES

O Hospital Regional de Ceilândia (HRC) recebeu, nesta sexta-feira (22), mais uma ação de sanitização contra a Covid-19. O trabalho desempenhado por militares do Exército ocorreu, desta vez, na área externa da unidade. Ao todo, oito profissionais participaram da ação, que teve como foco as áreas de circulação de pessoas. Todos foram capacitados para atuar nesse processo. Ontem, o HRC recebeu ação semelhante, porém na área interna, realizada pela Vigilância Ambiental. A estratégia é uma ação permanente da Vigilância em Saúde para ajudar no combate à Covid-19.

 

Para a desinfecção são utilizadas soluções de álcool 70% e hipoclorito, ambas capazes de matar o vírus. Graziele Faria, diretora administrativa da unidade, ressalta que além dessas ações práticas, servidores do Núcleo de Controle de Infecção Hospitalar (NCIH) estão realizando treinamento nos setores sobre os cuidados diários, uso de Equipamento de Proteção Individual (EPI) e outros temas relacionados à doença. Segundo Faria, as informações são muito dinâmicas e precisam chegar logo ao profissional. Assim, ainda aproveita o WhatsApp para passar informações, notas técnicas e avisos importantes.

 

“Esse reforço é de extrema importância porque ajuda no combate à doença. Além da parte prática, percebo os servidores mais seguros vendo essa ação, assim como os pacientes quem vêm para atendimento ou estão internados porque elogiam a ação”, afirmou a diretora. Ela ressalta que isso representa um apoio a mais para o pessoal da limpeza que trabalha diariamente para manter a unidade limpa.

 

“Com toda essa situação que estamos vivendo, o NCIH também comemorou uma adesão maior ao treinamento pelos profissionais de saúde. Para alcançá-los mais rapidamente, também aproveitamos para passar informações pelo WhatsApp, ” afirmou.

 

No último boletim da Covid, Ceilândia contabiliza 475 casos e 18 óbitos. No DF, a doença já atingiu 5.542 pessoas. Do total de casos confirmados, os maiores números absolutos estão nas faixas etárias de 30 a 39 anos e 40 a 49 anos. A letalidade do Distrito Federal é de 1,6%, sendo que a maior, por faixa etária, está no grupo de 80 anos ou mais.

 

Para saber mais sobre a doença no DF, acesse: http://www.saude.df.gov.br/coronavirus/