Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
17/11/20 às 19h00 - Atualizado em 18/11/20 às 14h49

Mais de cem homens são atendidos em ação no Guará II

COMPARTILHAR

Iniciativa da UBS 3 ocorreu no Setor de Oficinas da QE 40 e ofereceu diversos exames

 

LEANDRO CIPRIANO

 

Foto: Divulgação

 

Equipes de Saúde da Família que atuam na UBS 3 do Guará II atenderam, nesta terça-feira (17), 110 pacientes durante uma ação da campanha Novembro Azul no Setor de Oficinas da QE 40. Foram disponibilizados diversos exames para diagnóstico de HIV, sífilis e hepatites virais, além da marcação de exames como de colesterol, curva glicêmica e PSA – utilizado para detecção de câncer de próstata. Foram avaliados trabalhadores e frequentadores da localidade. Durante as testagens, foram confirmados cinco casos positivos de sífilis, três de HIV e, em média, 80% dos pacientes avaliados estavam com pressão ou glicemia altas, a maioria deles acima dos 40 anos.

 

Além disso, três homens que já tinham câncer de próstata foram informados que podem ter seus casos acompanhados na UBS 3 do Guará II. Eles eram avaliados na rede privada, pagando pelo serviço, e não sabiam que a unidade básica de saúde também oferecia esse tipo de atendimento. A Secretaria de Saúde tem feito diversas ações, em todo o DF, durante as campanhas Novembro Azul diabetes e de prevenção ao câncer de próstata.

 

Participaram da ação médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, odontologistas, nutricionista e assistente social. Os pacientes passaram por avaliação multiprofissional e odontológica e receberam dois tipos de kits de saúde: um de higiene bucal e outro com álcool em gel, máscara e preservativos masculinos.

 

Aproximar os serviços da população

 

Na avaliação da gerente da UBS 3 do Guará II, Vanusa Oliveira, o principal objetivo da ação é captar pacientes que, em sua maioria, trabalham na informalidade e, por isso, não têm tempo para sair do trabalho e fazer os exames. “Ao ir diretamente no local de trabalho deles, aproximamos os serviços da população masculina e marcamos as consultas que precisam. Com isso, eles não desistem do tratamento”, comentou.

 

Foto: Divulgação

 

Vanusa Oliveira destacou ainda que, com a ação, “um dos grandes incentivos para os pacientes é que, além de agendar os procedimentos, também podem marcar o dia em que eles podem buscar o resultado dos seus exames, facilitando a vida deles e evitando que busquem a UBS várias vezes”.

 

Para a superintendente da Região de Saúde Centro-Sul, Flávia Costa, ações como essa são importantes para garantir o pleno acesso da população à saúde pública. “Durante as testagens, caso os resultados dos exames tenham alterações, os pacientes já são encaminhados para a UBS mais próxima. Os casos mais agudos e graves serão direcionados para o Hospital do Guará”, destacou.

 

Esta é a segunda ação promovida, neste mês, na Região de Saúde Centro-Sul para conscientizar a população masculina sobre o Novembro Azul. A primeira ocorreu na Feira do Guará, quando feirantes e consumidores foram atendidos no dia 13. O objetivo foi informar a população sobre os cuidados necessários com a saúde, principalmente na investigação de doenças crônicas como diabetes, hipertensão e obesidade.