Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
18/12/13 às 18h28 - Atualizado em 30/10/18 às 15h10

Ouvidoria Geral da Saúde comemora quinto aniversário de criação

COMPARTILHAR

Serviço recebeu 114 mil manifestações de usuários desde 2008

A Ouvidoria Geral da Secretaria de Saúde do DF (SES) comemorou nesta quarta-feira (18) o 5º Aniversário de criação, por meio do Decreto 29.8967, de 18 de dezembro de 2008. A solenidade foi realizada no auditório da Câmara Legislativa do DF (CLDF) e contou com a presença do presidente da Casa, o deputado distrital Wasny de Roure, servidores da SES e ouvidores de outros órgãos.

“Precisamos entender o papel estratégico que a Ouvidoria tem na gestão e no funcionamento dos serviços públicos, pois a população merece um atendimento de qualidade”, afirmou o subsecretário de Gestão participativa da SES, José Bonifácio Carreira Alvim.

O trabalho de Ouvidoria na SES existe desde 2004 e foi oficializado após quatro anos. “Desde sua criação em 2008, a Ouvidoria-Geral trabalhou 114.386 manifestações, dentre solicitações, denúncias, reclamações, informações e elogios”, disse a Ouvidora-Geral da SES, Francis Nakle.

A Ouvidoria-Geral da SES é uma unidade de grande importância estratégica para a gestão do Sistema Único de Saúde (SUS) do DF. Cumpre o papel de facilitadora do diálogo entre a sociedade e as diferentes instâncias de gestão, trabalha na perspectiva da participação do cidadão, na avaliação, e na fiscalização da qualidade dos serviços de saúde oferecidos a população. “A Ouvidoria efetiva o controle social e auxilia no aprimoramento da gestão pública do sistema de saúde”, afirmou Francis.

Durante o evento, a ouvidora-geral apresentou as ações desenvolvidas pelo setor em 2013. Dentre elas, destacam-se a criação de sete novas Ouvidorias na rede pública de saúde; implantação do sistema TAG, disponibilizado pelo Governo do DF, que possibilita o recebimento de mensagens dos usuários no link Ouvidoria no site da SES; efetivação do atendimento à Lei de Acesso à Informação (LAI); ampliação das ações de qualificação dos servidores; desenvolvimento do Projeto Ouvidoria Ativa – pesquisa da Rede Cegonha (Projeto Piloto), com o objetivo de coletar a opinião das gestantes e puérperas sobre os serviços que a rede pública oferece.

Para 2014, estão previstas iniciativas como implantar novas Ouvidorias na rede pública de saúde, desenvolver pesquisa de satisfação dos usuários do SUS/DF, aumentar o índice de resolubilidade das manifestações, além de dar continuidade ao Projeto Ouvidoria Ativa. “Também pretendemos implementar o projeto hotline, especialmente na Atenção Básica, para possibilitar a democratização e a socialização do acesso ao sistema de Ouvidoria ao cidadão”, complementa Francis.

Mais informações sobre a Ouvidoria da Saúde no endereço:
http://www.saude.df.gov.br/ouvidoria.html

Por Patrícia Kavamoto, da Agência Saúde DF
Atendimento à imprensa:
(61)3348-2547/2539 e 9862-9226