Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
31/03/14 às 17h18 - Atualizado em 30/10/18 às 15h10

Planaltina oferece testagem de HIV e sífilis

COMPARTILHAR

Alerta à população para a importância da prevenção

 

A Regional de Saúde de Planaltina vai realizar nos cinco Centros de Saúde, nove Postos Rurais e três Unidades Básicas de Família, a testagem de HIV e sífilis para toda a população de Planaltina. O serviço será oferecido até o dia 10 de abril, visa alertar a população para a importância da prevenção das Doenças Sexualmente Transmissíveis (DTSs) e detectar as infectadas.

Os testes são feitos a partir da coleta de uma pequena quantidade de sangue da ponta do dedo. O material é colocado em um dispositivo de testagem que dá o resultado minutos depois. Dependendo do diagnóstico, o encaminhamento para os serviços de atendimento em doenças sexualmente transmissíveis é feito na hora.

Segundo a coordenadora de DST/AIDS/ Hepatites Virais de Planaltina, Ana Tenice de Aguiar, “a iniciativa é intitulada como Campanha Pós-Carnaval e tem o objetivo de encontrar as pessoas que foram infectadas no período de festa e as que por algum motivo não se previnem e podem estar com a doença”, explica.

O usuário poderá se dirigir ao centro ou posto mais próximo de sua casa e realizar o exame, para que consiga identificar a doença o mais rápido possível.

A AIDS é uma doença causada pelo vírus HIV e que é transmitida por meio da troca de secreções (sangue, esperma, secreção vaginal e leite materno) entre uma pessoa infectada e uma pessoa sadia, em situações como relação sexual desprotegida ou transfusão de sangue. Por isso, hábitos simples como o uso do preservativo durante o sexo e a utilização de seringas e agulhas descartáveis são a melhor forma para evitar.

A sífilis pode ser transmitida de uma pessoa para outra durante o sexo sem camisinha com alguém infectado, por transfusão de sangue contaminado ou da mãe infectada para o bebê durante a gestação ou o parto. O uso da camisinha em todas as relações sexuais e o correto acompanhamento durante a gravidez são meios simples, confiáveis e baratos de se prevenir contra a sífilis.

Por Tatiane Gomes, da Agência Saúde DF

Atendimento à imprensa:

(61) 3348-2547/2539 e 9862-9226