Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
23/04/14 às 19h59 - Atualizado em 30/10/18 às 15h10

Programa Brasília Sem Fronteiras de 2014 oferece curso em Saúde

COMPARTILHAR

Inscrições até 4 de maio

O Programa Brasília Sem Fronteiras abriu novo edital de seleção para 2014 e os servidores da Saúde terão a oportunidade de se inscrever em curso próprio da área. Serão 25 vagas para o curso de Liderança em Gestão Pública da Saúde. O objetivo é proporcionar aos participantes uma capacitação internacional e estratégias que impulsionem o potencial de liderança e o comportamento transformador, associados aos complexos desafios da gestão pública da saúde.

O Governo do Distrito Federal (GDF) pretende selecionar cerca de 2 mil participantes no âmbito do Programa Brasília Sem Fronteiras, com embarques ao longo de 2014 e do primeiro semestre de 2015. Este ano, o programa incluiu 75 vagas para universitários. Alguns cursos exigem área específica, mas poderão participar estudantes regularmente matriculados em qualquer instituição de ensino superior do Distrito Federal.

Para o secretário de Assessoria Internacional do GDF, Odilon Frazão, foi uma conquista lançar a segunda edição do programa e aumentar sua abrangência. “Essa é uma iniciativa inovadora e pioneira no DF. Não foi fácil chegar até aqui. É preciso entender que Brasília é uma cidade estratégica que alcançou o terceiro lugar no ranking internacional de captação de eventos internacionais. Por isso, é necessário que o Governo invista nos servidores e numa população que faz e fará a diferença para a cidade que são os estudantes também. Independente dele virar servidor público ou não, precisamos formar uma consciência global para atender as demandas de Brasília tanto no âmbito público quanto privado”, afirmou.

Na concorrência para a área dos servidores públicos, o programa selecionará 75 pessoas, divididos em três programas de imersão: “Liderança em Gestão Pública da Saúde”, na Universidade de Johns Hopkings (Estados Unidos da América); “Liderança em Gestão Pública para Cidades Competitivas e Inovadoras”, na Universidade de Ciências Aplicadas de Krems (Áustria) e “Liderança em Gestão Pública Transparente”, na Escola Nacional de Administração Pública da República Francesa (França). Todos os cursos serão ministrados em língua inglesa.

Serão realizadas três etapas: prova objetiva (classificatória e eliminatória), verificação de documentos (eliminatória) e curso preparatório (eliminatória). As provas objetivas testarão o conhecimento do candidato em língua inglesa, língua portuguesa, história de Brasília, noções de administração pública e atualidades. Poderão participar servidores públicos ocupantes de cargo de provimento efetivo da Secretaria de Estado de Saúde (SES-DF) que possuam nível superior completo.

Após a aprovação e convocação na primeira etapa, os servidores terão 40 horas/aula (curso preparatório) + 160 horas/aula (imersão internacional) = 200 horas/aula (total). Além disso, terão uma bolsa-auxílio de US$ 600,00 (seiscentos dólares americanos).

O GDF também irá custear:
– Despesas dos participantes do Brasília Sem Fronteiras referentes a curso preparatório;
– Passagens aéreas, de ida e volta partindo de Brasília;
– Apólice de seguro-saúde internacional com cobertura para todo o período de permanência no exterior;
– Vistos e passaportes, quando necessários;
– Hospedagem durante o período de realização da imersão internacional;
– Matrícula e taxas junto à instituição de ensino de destino;
– Traslados aeroporto/local da hospedagem/aeroporto,
– Material de apoio às atividades decorrentes do curso.

O certame, realizado pelo Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (CEBRASPE), estará com as inscrições abertas de hoje (23) a 4 de maio. As provas serão realizadas no dia 18 de maio. Confira o edital: http://goo.gl/8DXqMh

 

Por Érika Bragança, da Agência Saúde DF
Atendimento à imprensa:
(61)3348-2547/2539 e 9862-9226