Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
29/11/13 às 17h36 - Atualizado em 30/10/18 às 15h09

Saúde investiu R$ 12 milhões no Hospital de Base em 2013

COMPARTILHAR

Hospital ganhou novos profissionais e equipamentos modernos

Investimento. Essa é a palavra de ordem no setor de emergência do Hospital de Base do Distrito Federal (HBDF) nos últimos dois anos e meio. Reformas, novos equipamentos, contratação e treinamento de pessoal marcam positivamente a atual gestão. Só em 2013, a Secretaria de Saúde do DF investiu mais de R$ 12 milhões em bens permanentes e suporte técnico no Pronto-Socorro.

A busca é permanente por atendimento mais humanizado ao usuário da Rede Pública de Saúde. “Nossa luta é constante na formatação e implantação de projetos. Sabemos das limitações impostas pela sobrecarga de demanda”, disse o gerente da Emergência, Dr. Rodrigo Pinheiro.

Em 2013, 20 leitos na Emergência foram reformulados no Setor e receberam equipamentos com tecnologia de ponta. “Graças ao investimento do governador Agnelo Queiroz e secretário Rafael Barbosa em tecnologia, às contratações e treinamentos de pessoal para um atendimento mais humanizado estamos salvando vidas e devolvendo cidadãos sem sequelas à sociedade”, reconheceu o diretor geral do HBDF, Dr. Julival Ribeiro.

Recepção

Pelo menos 500 doentes são atendidos por dia na Emergência do HBDF.
Ao chegar à recepção do HBDF, o paciente e o acompanhante já notam as modificações. Com a substituição da antiga estrutura metálica pintada por portas de vidro temperado, o ambiente ganhou iluminação natural e ventilação eficiente. Além disso, o usuário é recepcionado por servidoras treinadas para o encaminhamento ao sistema Manchester de classificação de risco ou por padioleiros, quando necessita de maca ou cadeira de rodas.

A inauguração do novo Centro Neurocardiovascular do HBDF chama a atenção de autoridades médicas de todo o País. Com 11 leitos de alta complexidade, equipados com o que há de mais moderno para o cuidado a vítimas de acidentes vasculares cerebrais ou infarto agudo do miocárdio, o Centro dispõe do serviço de hemodinâmica associado (cateterismo) em funcionamento 24 horas por dia, tornando este setor referência para a rede pública e privada no Brasil.

Trauma

Também houve grande investimento em treinamento e compra de equipamentos para o setor de trauma. Segundo relatos do Ministério da Saúde, o Centro de Trauma e Unidade de Suporte do HBDF é equipado com tecnologia para atender casos do mais alto nível de complexidade, que ajudam a alçar o DF à categoria de unidade campeã da Federação em captação de órgãos.
A implantação de gestão de leitos e informatização da Emergência também ajudou a diminuir o tempo de permanência de internação. Outro avanço em 2013, foi a construção de protocolos de atendimento e cuidado com implementações de ferramentas de segurança ao paciente.
“Avançamos muito este ano. Hoje, cumprimos mais do que recomenda a Organização Mundial da Saúde (OMS) e não vamos nos acomodar. Em 2014, temos grandes eventos para a cidade e é quando vamos comprovar a eficiência da nossa emergência para o mundo”, encerrou o diretor geral do HBDF.

Por José Roberto Bueno, da Agência Saúde DF
Atendimento à Imprensa
(61) 3348-2547/2539 e 9862-9226