Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
3/11/15 às 12h07 - Atualizado em 30/10/18 às 15h13

Secretaria realiza pregão para manutenção de hemodiálise

COMPARTILHAR

Ao todo, 82 máquinas estarão com cobertura contratual

BRASÍLIA (3/11/15) – A Secretaria de Saúde realizou um pregão eletrônico para contratação de empresa especializada na prestação de serviços de manutenção preventiva e corretiva, com reposição de peças, em 82 máquinas de hemodiálise da rede. O contrato com a empresa vencedora deve ser assinado em até 30 dias.

Segundo o chefe do Núcleo de Fiscalização e Contratos da Secretaria de Saúde, Jansen Rodrigues, com um contrato de manutenção vigente, é possível fazer o controle de onde há equipamentos quebrados e providenciar o conserto. “Sem contrato de manutenção, só sabemos que a máquina estragou quando a unidade de saúde nos avisa”, ressalta.

Atualmente a rede conta com 102 aparelhos de hemodiálise em funcionamento. Destes, 20 estão com contrato de manutenção em dia. Outros 27 foram consertados recentemente, por meio de verba de contrapartida de ensino, sendo 17 no Hospital Regional de Sobradinho e 10 no Hospital Regional de Taguatinga.

MANUTENÇÃO – A Secretaria de Saúde tem buscado consertar equipamentos danificados na rede, mesmo muitos deles estando sem contratos de manutenção. No início do mês, dois tomógrafos – um no Hospital de Base e outro no HRT – foram consertados por meio de negociação com a empresa Siemens, responsável pelos aparelhos.

Também com problemas de manutenção, três autoclaves da rede passaram por reparos na última semana. Dois foram consertados no Hospital Materno Infantil (Hmib) e já estão em funcionamento. Um terceiro, no Hospital do Paranoá, deve ficar pronto em breve.