Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
3/11/17 às 15h59 - Atualizado em 30/10/18 às 15h18

Secretário recebe prêmio por conversão para saúde da família

COMPARTILHAR

Projeto que amplia o atendimento na Atenção Primária é agraciado em congresso em Curitiba

BRASÍLIA (3/11/17) – O projeto que amplia a cobertura da Atenção Primária no Distrito Federal no modelo de Estratégia Saúde da Família recebeu nesta quinta-feira (2) um prêmio da Sociedade Brasileira de Medicina de Família e Comunidade. O prêmio foi recebido pelo secretário de Saúde, Humberto Fonseca, durante o 14º Congresso Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade, em Curitiba, no Paraná. O prêmio reconhece os esforços no sentido de fortalecer em Brasília a medicina de família.

“A Sociedade Brasileira de Medicina de Família e Comunidade tem a honra de homenageá-lo pelo seu destaque nessa área”, diz a placa entregue ao secretário Humberto Fonseca.

“O fortalecimento da medicina de família e comunidade e da atenção primária no Brasil ocorre porque temos lideranças e exemplos como você. Obrigado!”, prossegue o texto da placa.

Durante o congresso, o secretário de Saúde teve oportunidade de apresentar em duas mesas redondas a experiência de Brasília. De acordo com projeto, batizado de Converte, a intenção é ampliar a cobertura de Saúde da Família no Distrito Federal para 75% até a metade do ano que vem, alcançando 100% de cobertura nas regiões mais carentes. Antes da implantação do projeto, essa cobertura era de 35%. Tal objetivo já foi alcançado em algumas áreas do DF, como o Trecho 1 do Sol Nascente, em Ceilândia.

O projeto em curso no DF prevê uma divisão das áreas de cobertura, de modo que cada grupo de 3.750 pessoas passe a ser atendido sempre pela mesma Equipe de Saúde da Família. Cada equipe é formada por um médico, um enfermeiro, técnicos de enfermagem, equipe de saúde bucal e agentes comunitários de saúde. Como essa equipe passa a atender sempre o mesmo grupo de pessoas, passa a conhecer mais profundamente seus problemas de saúde, atuando especificamente para saná-los e para prevenir que se agravem. Com as famílias atendidas dessa forma, desafogam-se as filas nas emergências dos hospitais. Todo o sistema passa funcionar de forma mais humana e mais efetiva.

“A conversão da Atenção Primária para Estratégia Saúde da Família é a ação mais importante do nosso governo na área de saúde. Agradeço à Sociedade Brasileira de Medicina de Família e Comunidade pelo convite e pela homenagem, ao nosso governador pelo apoio e a toda nossa equipe de saúde pelo trabalho árduo, firme e apaixonado por essa causa”, disse Humberto Fonseca.

Clique aqui para conhecer melhor o projeto de conversão da Atenção Primária para Estratégia Saúde da Família.