Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
7/10/15 às 21h11 - Atualizado em 30/10/18 às 15h13

Servidores de Brazlândia se reúnem com a cúpula da Saúde

COMPARTILHAR

Secretário foi à regional para conhecer a realidade e ajudar na solução de problemas

BRASÍLIA (7/10/15) – Em visita ao Hospital Regional de Brazlândia, nesta quarta-feira (7), o titular da pasta, Fábio Gondim, se reuniu com os servidores para esclarecer sobre ações da gestão. O encontro faz parte do programa Saúde de Ponta a Ponta, que pretende dar mais agilidade à resolução de problemas da rede.

“Estamos reestruturando a Administração Central para dar suporte às atividades de assistência. Hoje, temos dificuldades que precisam ser compreendidas também pelos servidores para serem solucionadas”, frisou o gestor, no auditório do hospital, acompanhado de subsecretários e do Grupo Multidisciplinar de Ações Estratégicas de Saúde (Gmaes).

Durante conversa com os profissionais do hospital, Gondim destacou que está trabalhando para resolver diversos detalhes que hoje são pontos sensíveis, como os estoques de medicamentos, faturamento e regulação.

FUNCIONAMENTO – No hospital, existem 127 leitos, dos quais 75 são da enfermaria e 52 do pronto–socorro. Somente na parte de emergência, de janeiro a agosto deste ano, 85,9 mil atendimentos foram realizados.

O hospital, que existe há 39 anos, oferece as especialidades clínica médica, cirurgia geral, pediatria, ortopedia, gineco-obstetrícia e odontologia, sendo que esta última funciona de segunda a sexta-feira, das 7h às 19h.

No ambulatório, que contabilizou 9 mil atendimentos até agosto desse ano, são oferecidas as especialidades de dermatologia, otorrino, ortopedia, gineco (pré-operatório e revisão de cirurgia) e pediatria (crescimento e desenvolvimento).

“Também desenvolvemos programa de práticas integrativas, como a musicoterapia feita com pacientes internados e externos. Aproximadamente 60 pessoas são atendidas por mês”, contabilizou a diretora de Atenção Primária, Maria Cristina Natal.

A Atenção primária de Brazlândia também possui dois centros de saúde, cinco postos e 11 equipes da Estratégia Saúde da Família.