Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
29/10/13 às 11h58 - Atualizado em 30/10/18 às 15h08

SES inaugura posto de saúde em Ponte Alta do Gama

COMPARTILHAR

Antigo posto fiscal foi reformado

A Secretaria de Saúde vai inaugurar, no dia 31 de outubro (quinta-feira), às 10h, o posto de saúde de Ponte Alta na zona rural do Gama. O espaço físico localizado na DF290 era de um posto fiscal da região e foi cedido pela Secretaria de Fazenda do Distrito Federal.

Há seis meses a área passou por reformas na parte elétrica e hidráulica, recebeu pintura e adequações para o atendimento da equipe estratégia saúde da família. O custo da obra foi de aproximadamente R$ 100 mil e está de acordo com o contrato de manutenção predial da SES.

O posto de saúde de Ponte Alta conta um consultório para atendimento do médico da família, um consultório para atendimento do enfermeiro, uma sala de acolhimento, uma sala de espera, farmácia, sala de curativos, sala de vacina e laboratório.

Atendimento à Saúde da Mulher (pré-natal, planejamento familiar, exame preventivo, oficinas para gestantes); atendimento em nutrição e psicologia pelo Núcleo de Apoio à  Saúde da Família ( NASF); saúde do adulto; grupo de diabetes e hipertensão;saúde do idoso; atenção integral a saúde da criança (imunização, crescimento e desenvolvimento); Programa de DST e Hanseníase são os serviços oferecidos. A unidade  além de exames laboratoriais  também  realiza exames de eletrocardiograma,o  teste rápido de Sifilis/HIV,de dengue  e de gravidez.

“Esta comunidade rural ficou muito tempo desassistida agora eles têm uma equipe de estratégia saúde da família próxima para cuidar da saúde de todos que moram aqui de forma  resolutiva, qualificada e humanizada”, disse a enfermeira Adryenne de Carvalho Melo, coordenadora da equipe de posto rural.

O posto funciona de segunda a sexta-feira de 7h as 12 e de 13h às 18h,  conta com um médico da família, dois auxiliares de enfermagem, um enfermeiro quatro agentes comunitários de saúde, a população cadastrada pela ESF  é de duas mil pessoas e a unidade também atende o população de Ponte Alta de Cima.

 

Eliane Simeão