Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
27/06/14 às 20h47 - Atualizado em 30/10/18 às 15h11

Unidades Básicas DF recebem certificação do Ministério da Saúde

COMPARTILHAR

Incentivo à amamentação e à alimentação complementar saudável

 

O Ministério da Saúde (MS) entrega nesta terça-feira (1), às 10h, a placa de certificação para cinco Unidades Básica de Saúde (UBS) da Secretaria de Saúde do Distrito Federal (SES/DF) por terem conseguido cumprir os critérios da Estratégia Amamenta Alimenta Brasil, no auditório da SES/DF.

As UBS que receberão o reconhecimento são: os Centros de Saúde nº 8 de Taguatinga, da Vila Planalto e da Candangolândia e Equipes da Estratégia de Saúde da Família (ESF) do Gama e Paranoá por qualificar o atendimento em amamentação e alimentação complementar saudável na atenção básica.

Segundo a coordenadora de Aleitamento Materno e Banco de Leite Humano, Miriam Santos, o DF é a primeira Unidade da Federação a receber a certificação.

Dentre os requisitos avaliados estão desenvolvimento de ações sistemáticas individuais e coletivas para promoção do aleitamento materno e da alimentação complementar saudável; controle de vigilância alimentar e nutricional para crianças de zero a dois anos, por meio do Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional (SISVAN); organização do cuidado da saúde da criança de zero a dois anos; cumprimento da Norma Brasileira para Comercialização de Alimentos para lactante e crianças de primeira infância (NBCAL e Lei 11.265 de 2006), bem como treinamento de 85% da equipe na Estratégia Amamenta Alimenta Brasil, além de executar as ações pactuadas na oficina de treinamento de equipe.

A Estratégia Amamenta Alimenta Brasil foi lançado pelo MS para as UBS em 2013. “A partir de então o Núcleo de Saúde da Criança/SAPS e Gerência de Nutrição/SAS iniciaram a formação de tutores e treinamentos nas equipes”, informa Mirian.

Júlio Duarte, Agência Saúde DF