Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
4/07/19 às 14h22 - Atualizado em 4/07/19 às 14h22

XXXV congresso do Conasems reúne mais de 2,3 mil congressistas

COMPARTILHAR

 

Secretário de Saúde do DF, Osnei Okumoto, participou do evento

 

A abertura do XXXV Congresso Nacional de Secretarias Municipais de Saúde, em andamento até amanhã (5), no Ulysses Centro de Convenções, em Brasília, teve a participação do secretário de Saúde Osnei Okumoto. Com o tema “Diálogos no Cotidiano do SUS”, o Congresso do Conasems reuniu mais de 2,3 mil congressistas, entre gestores municipais de saúde, trabalhadores do Sistema Único de Saúde (SUS), e de todas as esferas de governo, representantes de instituições ligadas à saúde pública e autoridades.

 

“O encontro é um momento de troca de experiências e informações que impactam, diretamente, no fortalecimento do SUS”, declarou o secretário Osnei Okumoto.

 

Durante o evento, acontece a 16ª edição da “Mostra Brasil aqui tem SUS”, com apresentação de até 500 experiências exitosas de secretarias municipais de Saúde, com o objetivo de mostrar o SUS que dá certo em todas as regiões do país. O XXXV Congresso Conasems também acolhe o Encontro Nacional do Projeto Aedes na Mira, de iniciativa do Conasems e desenvolvido com entidades parceiras. Tem como objetivo a implementação de estratégias de prevenção das arboviroses e do manejo do mosquito Aedes aegypti e suas consequências, com foco na capacitação de gestores e técnicos da Saúde.

 

O ex-presidente do Conasems, Mauro Junqueira, enfatizou, ao deixar o cargo: “Vamos continuar defendendo o SUS de forma intransigente”. E concluiu: “Apesar de todas as dificuldades, eu afirmo que vale a pena ser secretário municipal de saúde, vale a pena lutar pelo SUS.”

 

O novo presidente da entidade, Willames Freire, destacou: É nos gestores municipais de saúde que confiamos a habilidade política e a competência técnica para vencer os desafios, além de proporcionar saúde pública de qualidade aos brasileiros. Reafirmamos nosso compromisso com a consolidação do SUS. O Conasems está preparado para o combate.”

 

O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, também ressaltou a importância de se fortalecer os municípios. Segundo ele, “os secretários municipais estão à frente do SUS e são as maiores autoridades desse sistema”.

Durante a cerimônia de abertura do evento, ocorrida na terça-feira (2), foi assinada pelo ministro da Saúde a liberação de R$ 236 milhões destinados à Atenção Básica. Também foi anunciada a resolução que desburocratiza o processo de contratação de novas equipes de saúde da família.

 

Estiveram presentes à cerimônia de abertura representantes da Opas/OMS, Jarbas Barbosa e Socorro Gross; da Confederação Nacional dos Municípios, Denilson Magalhães; da Frente Nacional de Prefeitos e prefeito de Porto Alegre, Nelson Marchezan; do presidente do Conselho Nacional de Saúde, Fernando Pigatto; da presidente da Frente Parlamentar Mista da Saúde da Câmara dos Deputados, Carmen Zanotto; e do presidente e do vice-presidente do Conass, Alberto Beltrame e Nézio Fernandes.

 

Da Agência Saúde

Fotos: Guilherme Kardel/Kardel Live Media