Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
31/10/21 às 13h24 - Atualizado em 31/10/21 às 13h24

Amor à profissão é o segredo do sucesso

Conheça a nutricionista Mariana Melendez, que cuida de pacientes com obesidade no Hospital Regional da Asa Norte

 

ADRIANA SILVA, AGÊNCIA SAÚDE-DF | EDIÇÃO: JOHNNY BRAGA

 

“Trabalho por amor, porque eu amo o serviço público”. É assim que a nutricionista Mariana Melendez, de 41 anos, define seu importante papel no cuidado com os pacientes bariátricos do Hospital Regional da Asa Norte (Hran). Já são onze anos levando seus conhecimentos adquiridos ao longo de sua carreira para proporcionar bem-estar e qualidade de vida àqueles que mais precisam.

 

A nutricionista Mariana é a quinta personagem da série Heróis da Saúde – Semana do Servidor – Foto: Breno Esaki/Agência Saúde-DF

Para a quinta personagem da série Heróis da Saúde – Semana do Servidor, a nutrição é considerada uma “descoberta”. “Eu me descobri! Foi amor à primeira vista. Hoje não me vejo fazendo outra coisa”, afirma Mariana. Antes de planejar ser nutricionista, a profissional tinha o sonho de ser médica. Após tentar o vestibular por duas vezes e não obter sucesso, a brasiliense resolveu fazer a última tentativa, dessa vez para a nutrição, e deu certo.

 

Mariana ingressou na Universidade de Brasília (UnB) em 1999 e se viu cada vez mais apaixonada pela então futura profissão conforme as aulas avançavam. Ela ainda cursava a faculdade quando passou no concurso público do Hospital Universitário de Brasília (HUB), sendo chamada logo após sua formatura. Por lá, a nutricionista trabalhou até 2005 e, naquele ano, Mariana foi aprovada no concurso público da Polícia Federal (PF), ocupando cargo administrativo.

 

“No concurso da PF havia apenas uma vaga disponível para nutricionista, tive que me dedicar bastante, e entrei, foram 5 anos atuando na PF até passar no concurso da Secretaria de Saúde”, explica. E foi o ingresso na rede pública de saúde do DF que proporcionou a grande virada profissional a Mariana.

 

O amor à profissão é o segredo do sucesso profissional de Mariana – Foto: Breno Esaki/Agência Saúde-DF

 

Experiência

 

A nutricionista conta que enquanto estava trabalhando na Polícia Federal, recebeu o convite de um renomado médico cirurgião do DF para trabalhar com pessoas obesas e pacientes bariátricos (que já fizeram a redução de estômago e necessitam de acompanhamento nutricional). Ela revela que não tinha experiência com esse público, mas encarou o desafio. Foram cinco anos ganhando conhecimento e experiência até se especializar na área.

 

Antes de entrar definitivamente no Hran, Mariana dividia o tempo entre o serviço na polícia e na clínica particular. Embora aprovada no concurso, ela aguardou três anos até ser convocada. “Trabalhar como nutricionista no setor privado é uma grande alegria e prazer. Mas trabalhar no serviço público reforça em mim, diariamente, o verdadeiro sentido de ter escolhido ser uma profissional de saúde”, ressalta.

 

Foto: Breno Esaki/Agência Saúde-DF

A trajetória da Nutricionista Mariana, também foi marcada por outros acontecimentos marcantes, o casamento com o médico veterinário Erbert, em 2005, e a chegada dos dois filhos em 2010 e 2011.

 

Estudos

 

Buscando sempre aperfeiçoar seus conhecimentos e transmiti-los aos seus pacientes, em 2010, a profissional fez mestrado na área de nutrição pela Universidade de Brasília e realizou um curso de pesquisa clínica pela Universidade de Harvard, em 2014, e iniciou o doutorado em nutrição também pela UnB, em 2018. No próximo ano, ela defenderá sua tese com o tema: Comparando o sucesso cirúrgico em pacientes do setor público e do setor privado.

 

“Minha pesquisa é sobre pacientes que fizeram a cirurgia há mais de 5 anos no SUS, se a cirurgia ainda trouxe bons resultados e como já trabalho nos dois lados, resolvemos fazer uma comparação entre os pacientes da rede pública e privada”, explica.

 

Ensinamentos e conhecimentos

 

A profissional também supervisiona os atendimentos dos residentes do Hran, além de orientá-los em seus trabalhos científicos produzidos na unidade. Mariana também ministra aulas sobre obesidade e cirurgia bariátrica na UnB para os graduandos de nutrição e ministra aulas para pós-graduação na mesma área em uma instituição particular.

 

A heroína da saúde dedica seu tempo no cuidado com os pacientes, estudos, ensinamentos e à família – Foto: Breno Esaki/Agência Saúde-DF

Ao longo de sua carreira, ela teve vários artigos científicos publicados em revistas renomadas pelo mundo e apresentou pesquisas em congressos internacionais com pacientes do DF. Além disso, contribuiu com capítulos em vários livros sobre cirurgia bariátrica.

 

Em janeiro deste ano, publicou um estudo sobre gestantes bariátricas que foram acompanhadas no Hran. A pesquisa comparou os resultados da gestação e saúde dos bebês com gestantes acompanhadas no serviço privado.

 

Na semana do servidor, a série Heróis da Saúde irá destacar, ao longo do período, o trabalho dos profissionais da rede pública do DF e suas respectivas missões profissionais e trajetórias de vida com os cidadãos e o fortalecimento do Sistema Único de Saúde.