Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
17/07/19 às 17h10 - Atualizado em 17/07/19 às 17h50

Atenção Secundária é tema central de debates de gestores

COMPARTILHAR

Serão três dias de encontro para avaliação e definição de novos passos

 

Entre essa quarta-feira (17) e sexta-feira (19), dirigentes e servidores dos três níveis de assistência da rede pública de saúde estarão reunidos para discutir a atenção secundária, durante o II Seminário de Formação de Gestores do DF. Ao todo, 172 profissionais se inscreveram para participar do evento.

 

“A ideia é que, com esse seminário, a gente possa olhar o que avançamos até agora, o que precisamos avançar e como faremos isso, dentro do projeto proposto nessa gestão”, ressalta a coordenadora de Atenção Secundária e Serviços Integrados da Subsecretaria de Atenção Integral à Saúde, Eliene Sousa.

 

O evento foi aberto na tarde desta quarta-feira (17), com a presença da secretária adjunta de Assistência à Saúde, Renata Rainha; do subsecretário de Atenção Integral à Saúde, Ricardo Ramos; e da representante do Conselho Nacional de Secretários de Saúde, Eliana Dourado.

 

“A atenção secundária está ali para recepcionar pacientes da atenção primária que precisam de um cuidado maior ou servir de retaguarda para hospitais. E muito pouco se fala em atenção secundária. Mas precisamos dela bem estruturada, reforçada, com profissionais competentes, porque quando a atenção primária não conseguir resolver, é ela quem tem que resolver”, destacou Ricardo Ramos.

 

Para Renata Rainha (foto acima), tão essencial quanto falar de atenção primária é discutir a atenção secundária. “É importante estarmos reunidos em um espaço de formação como este. Que esse seminário nos ajude a conseguir organizar e estruturar nossa rede de saúde”, frisou.

 

PROGRAMAÇÃO – Após a mesa de abertura, o psicólogo do Ministério Público do DF José Wanderley Rolim fez uma fala motivacional aos servidores presentes, destacando que o órgão sempre apoia parcerias que levam o bem à população. A abertura contou, ainda, com apresentação musical do Doutor Melodia.

 

A primeira exposição dentro do seminário foi sobre histórico e conceitos da gestão na atenção secundária e durou a tarde inteira. Nesta quinta-feira (18), o evento começará às 9h, ocasião em que será discutida a atenção secundária como um pilar do Sistema Único de Saúde.

 

“O ponto alto do evento será uma oficina oferecida pela Fiocruz, que acontecerá na tarde desta quinta-feira. Acredito que dali sairão direcionamentos para coisas que devemos executar neste e no próximo ano”, destaca Eliene.

 

SECUNDÁRIA – A atenção secundária compreende os serviços especializados da Secretaria de Saúde, atendendo o que a atenção primária não consegue resolver e, na maioria dos casos, evitando que o paciente precise ser encaminhado à atenção terciária.

 

Na rede pública de saúde do DF, ela compreende policlínicas, centros especializados de odontologia e centros de atenção psicossociais. “Nós tínhamos policlínicas dentro de hospitais e as organizamos. Hoje, são 23 policlínicas, algumas mais vocacionadas, como os ambulatórios de obesidade, diabetes e hipertensão”, explica a coordenadora de Atenção Secundária. Segundo ela, somente entre 20% e 25% da população precisa ser encaminhada para a atenção secundária.

 

Confira aqui a programação completa do evento

 

Alline Martins, da Agência Saúde

Fotos: Mariana Raphael/Saúde-DF