Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
23/09/13 às 18h23 - Atualizado em 30/10/18 às 15h07

Hemodinâmica do Hospital de Base funciona 24 horas

COMPARTILHAR

Serviço realizou 3628 procedimentos cardiológicos neste ano


O Hospital de Base do Distrito Federal (HBDF) agora conta com atendimento ininterrupto no Serviço de Hemodinâmica, área ligada a cardiologia responsável por consultas e exames de coração, cérebro e membros diversos, que neste ano já realizou 3628 exames.

Quem precisar de cateterismo, angioplastia (cirurgia para desentupir artérias), quimioterapia arterial (tratamento do câncer via cateter), embolização (oclusão dos vasos, visando diminuir a vascularização de uma região), entre outros, pode procurar a unidade a qualquer hora do dia.

De acordo com o diretor do HBDF, Julival Ribeiro, o atendimento hemodinâmico engloba uma grande demanda e o terceiro turno foi a solução encontrada para melhor atender aos pacientes, principalmente nos casos de emergências.

“Por sermos referência na especialidade da hemodinâmica, recebemos pessoas de toda a cidade e até de outros estados e essa mudança era necessária. Agora podemos trabalhar com uma equipe maior, em três turnos, e proporcionar atendimento ainda melhor e mais eficiente para quem precisa urgentemente deste tipo de exame”, afirma.

O jornalista Daniel Ribeiro, paciente do hospital, aprovou a ampliação do serviço. Ele fez o primeiro cateterismo no coração em 2002, no Hospital de Base, além de ter realizado exames em 2008 e em 2012. “Todos os acompanhamentos foram ótimos e sempre fui bem assistido. Hoje estou bem. Sou diabético e agora tenho que monitorar a saúde sempre e é bom saber que posso ir à unidade a qualquer momento”, destaca.

Para saber mais
A Hemodinâmica é o setor que dá suporte a outras unidades do hospital, como a Cirurgia Vascular (que inclui intervenções em artérias e outros vasos), Neurocirurgia, Cardiologia, Estudos Eletrofisiológicos e Excepcionais.

Os exames da Hemodinâmica são aqueles que procuram ser minimamente invasivos. “O cateterismo, por exemplo, é uma punção via femural (perna) para chegar às artérias do coração. Há, também, exames do cérebro e embolização de aneurisma. Inserimos, via artéria, um instrumento para fechar o derrame cerebral e isso ocorre sem cortes. A intenção é que não haja incisões e com isso menos risco ao paciente”, explica Ana Tereza, enfermeira do setor de Hemodinâmica.

Serviço
A Unidade de Hemodinâmica funciona no Ambulatório do Hospital de Base e recebe pacientes do Pronto Socorro, Ambulatórios (que chegam via consultas) e pacientes internados na Enfermaria. O atendimento é realizado das 7h às 13h, das 13h às 19h e das 19h às 7h.

Para fazer exames no setor é preciso encaminhamento, pedido de exame e indicação médica. A marcação é feita pelo sistema de regulação da Secretaria de Saúde.

Alessandra Franco

Leia também...