Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
31/10/19 às 18h29 - Atualizado em 1/11/19 às 14h32

Campanha do Outubro Rosa é encerrada nas Unidades de Pronto Atendimento

COMPARTILHAR

Osnei Okumoto elogiou a dedicação de servidores e voluntários 

 

O Instituto de Gestão Estratégica do Distrito Federal (Iges-DF), mantido pela Secretaria de Saúde, encerrou a campanha do Outubro Rosa nas Unidades de Pronto Atendimento (UPA). Durante o evento, realizado nesta quinta-feira (31) na unidade de Ceilândia, gestores e parlamentares celebraram as ações promovidas pela rede pública de saúde ao longo deste mês.

 

Exames, cirurgias e ampliação de serviços estão entre as iniciativas colocadas em prática. Somente na UPA de Ceilândia, a média mensal de atendimentos aumentou de 3 mil mulheres para mais de 5 mil em outubro, de acordo com a Superintendência de UPA do Iges-DF.

 

O esforço para realizar esses atendimentos foi destacado pelo secretário de Saúde, Osnei Okumoto, presente à cerimônia em Ceilândia. O gestor da pasta elogiou o trabalho e a dedicação dos servidores, colaboradores e voluntários que contribuíram para as ações de prevenção.

 

“Agradecemos a todos os que têm trabalhado nesses atendimentos, seja da Secretaria de Saúde, do Iges-DF ou da Fepecs. Foi todo um trabalho voluntário voltado às mulheres nesse período. O mais importante é que contribuíram para criarmos uma cultura de prevenção com os exames de mamografia e de colo de útero. Outubro está finalizando, mais o trabalho deve continuar e ser cada vez maior a partir de hoje”, afirmou Okumoto.

 

Uma das ações destacadas pelo secretário foi a força-tarefa realizada no Hospital Regional de Taguatinga (HRT). Ao longo de uma semana, 73 cirurgias foram efetivadas na unidade, desde retirada de mama à reconstrução imediata. “Muitos voluntários, entre médicos e enfermeiros aposentados, voltaram a Taguatinga para revisar a reconstrução mamária dessas mulheres. Com isso, melhoraram autoestima delas. Novamente, agradeço a todos que ajudaram”, reforçou Okumoto.

 

Até o momento, Secretaria de Saúde ainda está compilando o balanço das ações colocadas em prática no DF, durante o Outubro Rosa.

 

MELHORIAS – No evento desta manhã, o diretor-presidente do Iges-DF, Francisco Araújo, destacou o trabalho constante para melhorar a estrutura e o atendimento nas UPA. “Nós reformamos estruturas, contratamos profissionais e abastecemos com medicamentos. Hoje, celebramos o Outubro Rosa trazendo mais dignidade às pessoas”, ressaltou.

 

No evento, a deputada federal Flávia Arruda (PL) parabenizou o trabalho desenvolvido pela Secretaria de Saúde e pelo Iges-DF. Também elogiou o atendimento prestado nas unidades. “Dá muito prazer ver a limpeza, a organização, o atendimento. Existe muito a melhorar, em todas as áreas, mas está avançando. Parabenizo pelo trabalho de todos à frente disso, porque tem sido um exemplo”, elogiou.

 

CONSCIENTIZAÇÃO – Para o chefe da Casa Civil, o secretário Valdetário Andrade, o objetivo principal do Outubro Rosa é conscientizar as mulheres para a prevenção ao câncer de mama. “Fazer o atendimento, a tomografia e o autoexame é um processo de conscientização. Isso depende de todos, não só do sistema público de saúde, mas de toda a população”, alertou.

 

“Atividades físicas e alimentação saudável diminuem em 30% os casos de câncer. O Iges-DF alerta e chama atenção das mulheres de que o cuidado com a mama deve ser uma preocupação permanente”, recomendou a diretora de Atenção Pré-hospitalar, Nadja Vieira.

 

Leandro Cipriano, da Agência Saúde

Fotos: Breno Esaki/Saúde-DF

Leia também...