Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
4/08/16 às 12h42 - Atualizado em 30/10/18 às 15h15

Casa de Parto de São Sebastião oferece visitas guiadas às gestantes

COMPARTILHAR

Objetivo é que as futuras mamães tirem dúvidas sobre o parto humanizado

BRASÍLIA (04/08/16) – A Casa de Parto de São Sebastião, considerada centro de referência em parto humanizado na capital, promove toda quarta-feira, às 14h, uma visita guiada, para que as  gestantes residentes na Região Leste de Saúde (Paranoá e São Sebastião) possam conhecer o trabalho realizado pela unidade.

A enfermeira Elaine Gonçalves faz parte da equipe de 15 enfermeiros obstetras e 10 técnicos de enfermagem que atendem às futuras mães. Ela explica que o objetivo das visitas é permitir que as mulheres se familiarizem com o local que darão à luz.

“As mães são encaminhadas pelos profissionais de cada unidade de pré-natal da Região Leste. É recomendável que a mãe nos procure até o terceiro trimestre de gestação, pois, assim, consegue decidir, com mais antecedência, se é na Casa de Parto que seu filho irá nascer”, esclarece.

De acordo com Elaine, além das mães, os acompanhantes de cada gestante também podem participar. “Essas visitas permitem que, não só as mães, mas também quem vai acompanha-las, conheçam de perto a equipe que vai atendê-los futuramente, além de, tornar mais próxima das gestantes, a ideia de um parto humanizado”, afirma.

A manicure Lidiane Silva está no sétimo mês de gestação do primeiro filho e revela que sempre sonhou com um parto humanizado, mas havia desistido da ideia por não ter condições de arcar com as despesas pela rede privada de atendimento, já que não sabia que a rede pública onde reside oferece esta opção.

“A visita permitiu que eu conhecesse algo que sempre foi minha vontade e esteve perto de mim esse tempo todo, mas que não sabia que existia. Achei fantástico o trabalho realizado aqui e fiquei muito feliz de saber que vou poder contar com toda essa estrutura e oferecer ao meu filho o parto que sempre sonhei”, diz.

CASA DE PARTO – Inaugurada em agosto de 2001, o local oferece às gestantes da Região Leste a possibilidade de um parto normal humanizado e sem intervenções.

Na unidade, as futuras mães têm acesso à atendimento clínico feito durante a gestação e após o nascimento do bebê. Além disso, também é disponibilizado às mulheres, orientações sobre amamentação e a “revisão do parto”, que consiste numa consulta clínica, realizada sete dias após o nascimento, para que haja o acompanhamento da primeira semana de vida da criança.

De acordo com Vanessa Benjamim, chefe do Núcleo de Enfermagem da Casa de Parto, cerca de 500 mulheres são atendidas por mês. “Esses atendimentos não são partos, mas, sim, de mulheres que vêm até nós para tirar alguma dúvida sobre gestação ou sobre o próprio bebê, ou, até mesmo, para realizar algum exame”, explica.

Ela esclarece que como São Sebastião não tem emergência obstétrica, a Casa de Parto funciona como um ponto de apoio às gestantes. “Esses atendimentos, muitas vezes, salvam vidas, porque é a partir deles que os problemas que não podem ser resolvidos aqui, são detectados e os encaminhamos para o local correto [UPA ou Hospital Regional do Paranoá]”, explica Vanessa.

Veja as fotos aqui