Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
6/07/18 às 8h00 - Atualizado em 30/10/18 às 14h58

Centro-Sul lança projeto para diminuir casos de queimaduras

Em 2017, foram registrados no Hran 1.953 casos de queimaduras – Foto: Matheus Oliveira/Arquivo SES

 

A Região de Saúde Centro-Sul lançou, nesta quinta-feira (5), o projeto “Aprenda a não se queimar: da teoria à prática”, feito em parceria com a Unidade de Tratamento de Queimados do Hospital Regional da Asa Norte (Hran) e Corpo de Bombeiros. O evento foi aberto pela primeira dama, Márcia Rollemberg.

 

O objetivo do projeto é qualificar os profissionais de saúde e a comunidade escolar da região, com foco inicial nos Agentes Comunitários de Saúde e equipes conveniadas ao Programa Saúde na Escola (PSE), para prevenção de queimaduras domiciliares.

 

A capacitação terá início em agosto, com o retorno das aulas. Serão dispostas três turmas de capacitação para os agentes comunitários, com uma aula de quatro horas de duração, em formato de oficinas volantes. O projeto-piloto será executado, inicialmente, no Riacho Fundo I e Riacho Fundo II.

 

DADOS – No ano passado, foram registrados 1.953 casos de queimaduras no Pronto Socorro de Queimados do Hran. Do total, 247 eram moradores da Região de Saúde Centro – Sul, a maioria deles no Guará (108).

 

Entre os meses de janeiro e maio de 2018, foram registrados no DF 859 casos de queimaduras no Hran. Destes, 120 são da Centro-Sul, sendo 13 de Candangolândia, 54 do Guará, oito do Núcleo Bandeirante e 45 do Riacho Fundo.

 

TEXTO: Alline Martins, da Agência Saúde