Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
15/08/19 às 15h24 - Atualizado em 15/08/19 às 15h59

Com foco na acessibilidade, servidores da Saúde aprendem Libras básico

Aulas na Região Sul serão uma vez por semana, durante quatro meses

 

Teve início o curso de Libras básico para 38 servidores do Hospital Regional do Gama (HRG) e da Atenção Primária da Região de Saúde Sul, oferecido até 10 de dezembro pelo Instituto de Apoio Pedagógico e Cultural. As aulas ocorrem toda quarta-feira, das 14h às 17h, no auditório do Núcleo de Educação Permanente em Saúde (Neps) do hospital.

 

O objetivo é oferecer formação aos servidores para atender ao disposto na Lei nº 6.300/2019, que assegura a disponibilização de profissional apto a se comunicar na Língua Brasileira de Sinais nos órgãos da rede pública de saúde do Distrito Federal.

 

“Além de cumprir a legislação capacitando os servidores em Libras, atendemos a uma demanda antiga deles, que relatavam as dificuldades no atendimento aos usuários surdos que procuravam os serviços. Com o curso, será possível garantir uma acessibilidade maior para esses pacientes”, afirmou a chefe do Núcleo de Educação Permanente em Saúde no HRG, Leandra Rodrigues.

 

MAIS TURMAS – Uma segunda turma em Libras será iniciada na Região Sul na próxima segunda-feira (19), com duração até 16 de dezembro. São 40 servidores inscritos para as aulas, que serão uma vez por semana, no período da tarde.

 

“Até o momento, temos mais 25 servidores aguardando a abertura da terceira turma. Estamos verificando se vamos abrir ainda neste semestre ou no ano que vem”, informou Rodrigues.

 

De acordo com a gestora, também tem sido estudada, junto ao Instituto de Apoio Pedagógico e Cultural, a possibilidade de oferecer aos servidores da Secretaria de Saúde cursos intermediários e avançados em Libras. “Estamos vendo isso para o ano que vem, a depender da demanda”, concluiu.

 

Leandro Cipriano, da Agência Saúde

Arte: Rafael Ottoni/Saúde-DF