Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
1/07/14 às 18h45 - Atualizado em 30/10/18 às 15h11

DF recebe certificação da Estratégia Amamenta e Alimenta Brasil pelo MS

COMPARTILHAR

Cinco UBS foram premiadas pelo trabalho realizado

Ministério da Saúde (MS) entrega certificação para cinco Unidades Básicas de Saúde (UBS) da Secretaria de Saúde (SES/DF),  por cumprimento dos critérios da Estratégia Amamenta e Alimenta Brasil – Brasília. O Distrito Federal é a primeira Unidade da Federação premiada e já conta com 132 tutores qualificados.

As UBS que receberam as placas de certificação foram os Centros de Saúde 8 de Taguatinga, da Vila Planalto e da Candangolândia, juntamente com as Equipes da Estratégia de Saúde da Família (ESF) do Gama e Paranoá.

O secretário de Saúde, Fernando Elias Miziara, reafirmou o reconhecimento do MS pelos trabalhos das equipes e destacou o empenho dos enfermeiros e pediatras. “Quero agradecer a todos pelo trabalho, especialmente aos enfermeiros, pois estão vinculados ao contato direto e ao estímulo da amamentação. Destaco também o trabalho dos pediatras pela própria natureza da especialidade”, disse.

A coordenadora de Aleitamento Materno da coordenação geral de Saúde da Criança do MS, Fernanda Monteiro, agradeceu a SES/DF por permitir que suas unidades participasse do projeto piloto. “Agradeço a Secretaria de Saúde por permitir o início desse projeto na unidade da Candangolândia e promover o reconhecimento das três Unidades Básicas de Saúde e das duas Equipes de Estratégia da Família”, afirma.

Dentre os requisitos avaliados estão desenvolvimento de ações sistemáticas individuais e coletivas para promoção do aleitamento materno e da alimentação complementar saudável; controle de vigilância alimentar e nutricional para crianças de zero a dois anos, por meio do Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional (SISVAN); organização do cuidado da saúde da criança de zero a dois anos; cumprimento da Norma Brasileira para Comercialização de Alimentos para lactantes e crianças de primeira infância (NBCAL e Lei 11.265 de 2006), bem como treinamento de 85% da equipe na Estratégia Amamenta Alimenta Brasil, além de executar as ações pactuadas na oficina de treinamento de equipe.

“Essa estratégia é muito importante na agenda da Atenção Básica. Hoje já qualificamos 132 tutores e iniciamos o processo de certificação aqui no Distrito Federal e temos um enorme potencial para expandir para outros estados”, explica a coordenadora de Alimentação e Nutrição do MS, Patrícia Jaime.

A Estratégia Amamenta e Alimenta Brasil foi lançada pelo MS para as UBS em 2012. “A partir de então o Núcleo de Saúde da Criança/SAPS e Gerência de Nutrição/SAS iniciaram a formação de tutores e treinamentos nas equipes”, informa Miriam Santos, coordenadora de Bancos de Leite da SES/DF.

Luana Lemes e Júlio Duarte, Agência Saúde DF

Leia também...