Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
28/02/13 às 21h14 - Atualizado em 30/10/18 às 14h58

Escola de Saúde forma a 1ª turma do curso Enfermagem

43 estudantes comemoram, depois de quatro anos de formação

Os 43 estudantes que integram a primeira turma do Curso de Graduação em Enfermagem da Escola Superior de Ciências da Saúde (ESCS) receberão o diploma nesta sexta-feira (1º), às 20h, no Centro de Convenções Ulysses Guimarães. No sábado (02), os novos enfermeiros comemoram com a família e amigos em um baile de formatura.

No Distrito Federal duas instituições públicas de ensino superior oferecem o curso de Enfermagem. A ESCS, da Secretaria de Saúde, é uma delas. Para a coordenadora do curso, Leonora Teixeira, a formatura da primeira turma consolida positivamente o que a Escola tem a oferecer. “Entre os formandos, já temos enfermeiros que passaram no último concurso da SES/DF. Além disso, outros já foram aprovados na residência multiprofissional em Enfermagem”, aponta. De acordo com a coordenadora, em 2010 os iniciantes no curso prestaram o Exame Nacional de Desempenho de Estudante – Enade – e obtiveram resultado acima da média brasileira. “Aguardamos com boas expectativas pelo Enade 2013, em que teremos o primeiro conceito completo do curso”, afirma Leonora Teixeira.

Bárbara Melo, 21, que se formou na primeira turma de Enfermagem, ressalta que se identificou com o curso. “A metodologia da ESCS é diferenciada das outras Universidades ou Faculdades Públicas, que usam o método de ensino tradicional em sala de aula, porque nos prepara para ter independência nos estudos e atuação ativa nos centros de saúde e hospitais. O nosso contato com a prática de saúde começa desde o primeiro ano de formação, tornando os futuros profissionais confiantes, com uma visão generalizada do serviço público, preparados para o atendimento personalizado ao paciente da Rede Pública”, declara.

Sobre a ESCS
A Escola Superior de Ciências da Saúde – ESCS, mantida pela Fundação de Pesquisa e Ensino em Ciências da Saúde – Fepecs – vinculada à Secretaria de Saúde do Distrito Federal, foi criada em 2001. A ESCS tem o objetivo de formar profissionais de saúde com perfil mais adequado às necessidades da população e em consonância com os princípios e diretrizes do Sistema Único de Saúde- SUS.

A ESCS oferece, anualmente, por meio de vestibular, cursos de graduação em Medicina e Enfermagem. São 80 vagas para cada curso com sistema de cotas, com 32 vagas (40%) para os estudantes egressos de escolas públicas do DF. Os cursos seguem um modelo pedagógico inovador, de acordo com as diretrizes curriculares nacionais, centrados no estudante, que é inserido em atividades práticas em serviço de saúde desde o primeiro ano de ensino.

Renata Madeira