Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
28/06/18 às 16h22 - Atualizado em 30/10/18 às 14h58

HRT ganha sala de emergência pediátrica

A sala ganhou pintura nova e instalação de película na janela, entre outras coisas – Foto: Breno Esaki, da Agência Saúde

 

Pacientes da pediatria que aguardam vaga ou remoção para UTI, no Hospital Regional de Taguatinga (HRT), já dispõem de uma nova sala de emergência. O local passou por reforma e agora está dentro dos padrões necessários para atender as intercorrências das crianças da enfermaria.

 

Para que a reforma se concretizasse, os acadêmicos de Enfermagem da Escola Superior de Ciências em Saúde (Escs) providenciaram um engenheiro que, a partir de uma análise da planta da sala, preparou um projeto, apontando as alterações necessárias, contou a supervisora de enfermagem da Pediatria do HRT, Sandra Barros.

 

“Foram feitas mudanças quanto à disposição das tomadas e iluminação, proporcionando mais claridade ao ambiente e facilitando a visualização durante o procedimento. A sala também ganhou pintura nova e instalação de película na janela, por onde entrava bastante luz solar à tarde”, detalhou ela.

 

FACILIDADES – Além das mudanças estruturais, Sandra disse que foi instalado um armário novo e adquiridas caixas organizadoras dos materiais a serem utilizados pelo pessoal da Pediatria.

 

“Também foram comprados dois respiradores, pois não tínhamos nenhum. Em caso de necessidade, precisávamos recorrer ao equipamento de outras clínicas”, destacou a supervisora.

 

Local está dentro dos padrões necessários para atender as intercorrências das crianças da enfermaria – Foto: Breno Esaki, da Agência Saúde

 

ATENDIMENTO – A nova sala conta com dois leitos de emergência. A equipe de atendimento do HRT reúne seis pediatras, cinco enfermeiros, 41 técnicos de enfermagem, seis nutricionistas, um auxiliar e três fisioterapeutas.

 

Há, ainda, 30 residentes, 10 internos de medicina e seis acadêmicos de enfermagem. “Eles se mobilizaram na etapa final da reforma da sala de emergência para que tudo fosse concluído”, resumiu a assessora de gabinete do HRT, Tissiana Tentis.

 

TEXTO: Alline Martins, da Agência Saúde