Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
18/05/18 às 14h40 - Atualizado em 30/10/18 às 15h19

Em sua festa de aniversário, HSVP presenteia colaboradores

Durante a comemoração, secretário Humberto Fonseca destacou os avanços registrados no HSVP. Foto: Matheus Oliveira

 

O lançamento do selo de responsabilidade social Mola, sigla para Movimento Pró Liberdade e Autonomia, marcou as comemorações dos 42 anos do Hospital São Vicente de Paulo (HSVP), completados nesta sexta-feira (18). A distinção é um forma de reconhecimento à colaboração de pessoas e entidades com a revitalização do hospital.

 

“Estamos avançando nas melhorias do Hospital São Vicente de Paulo com uma série de enfrentamentos para oferecer mais qualidade. Estamos com um Plano Diretor de Saúde Mental para organizar todos os níveis de atenção e o São Vicente faz parte dessa rede, assim como os centros de atenção psicossocial (Caps)”, destacou o secretário de Saúde, Humberto Fonseca, ao reafirmar que as ações também fazem parte do processo de humanização dos atendimentos terapêuticos, princípio básico da luta antimanicomial.

 

SELO – O diretor geral do Hospital São Vicente de Paulo, Leonardo Gomes Moreira, explicou que a criação do prêmio se deu em razão do movimento dos próprios servidores em prol do hospital. “Sabemos da importância do reconhecimento desses colaboradores. Todos que trabalham e passam por aqui têm um carinho especial”, disse.

 

Foram agraciados com o Mola, o coordenador Nacional de Saúde Mental do Ministério da Saúde, Quirino Cordeiro; o grão-mestre adjunto da Grande Loja Maçônica do DF, Armando Assunção; Francisco João Paulo, que contribuiu com material de consumo e serviço, e a estilista Fernanda Ferrugem, entre outros parceiros do hospital.

 

“O Hospital São Vicente de Paulo, um hospital psiquiátrico, não um manicômio. Não é possível fazer essa analogia. Por isso, o Ministério da Saúde veio aqui para apoiar esses serviços especializados, oferecidos nas modalidades hospital-dia e ambulatório”, assegurou Quirino Cordeiro.

 

A diretora de Saúde Mental da Secretária de Saúde, Giselle de Fátima Silva, completou afirmando que “a humanização, o acolhimento e o atendimento especializado estão de acordo com as políticas públicas do Ministério da Saúde.”

 

Opção de lazer e praticar esportes, a quadra da unidade foi renovada. Foto: Matheus Oliveira

 

 

REVITALIZAÇÃO – A lista de melhorias realizadas no hospital inclui a resolução de problemas estruturais como iluminação externa, parte hidráulica do ambulatório, adequação da farmácia da internação para manutenção da dose individualizada, retirada de bens inservíveis e entulhos e reformas.

 

Também foram inaugurados uma quadra esportiva reformada e um ponto de encontro comunitário, além de uma academia ao ar livre, construída em parceria com a Companhia Urbanizadora da Nova Capital (Novacap).

 

A comemoração do aniversário teve também como atrações a apresentação da banda de música do Corpo de Bombeiros e um desfile de moda produzido pelo Núcleo de Atividades Terapêuticas, com colaboração de Fernanda Ferrugem.

 

Unidade também ganhou um conjunto de aparelhos para fazer exercícios físicos. Foto: Matheus Oliveira

 

O final da festa foi regado a bolo, oferecido a servidores e pacientes.

 

SERVIÇOS – Com 330 servidores, o HSVP atende entre 5 mil e 8 mil pacientes com transtorno mentais e mais de mil famílias mensalmente. A estrutura tem duas unidades de internação com 83 leitos, ambulatório e serviços de ensino.

 

O hospital tem acolhimento de pronto-socorro com emergência psiquiátrica 24 horas, ambulatórios de psiquiatria e psicologia, oficinas terapêuticas, grupo de acompanhamento pós-internação, entre outros serviços.

 

TEXTO: Ailane Silva, da Agência Saúde

 

HSVP lança Selo Mola de responsabilidade Social