Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
24/10/12 às 21h14 - Atualizado em 30/10/18 às 14h57

Mais de 2 mil candidatos disputarão vagas para médico da SES

COMPARTILHAR


Um total de 2.090 candidatos disputarão 816 vagas para médicos da Secretaria de Saúde do Distrito Federal, em diversas especialidades. Além dos médicos, o concurso público que teve as inscrições encerradas na última quarta-feira (17), também selecionará 412 técnicos em enfermagem e técnicos em hematologia.

Na área médica são oito vagas para acupuntura, 12 para anatomia patológica, 80 para anestesiologia, 10 para cirurgia pediátrica, 206 para clínica médica, 10 para endocrinologia, 20 para hematologia e hemoterapia, 10 na especialidade de homeopatia, 2 infectologia, 60 para medicina intensiva, 170 neonatologia, 10 neuropediatria, 30 ortopedia e traumatologia, 100 pediatria, 65 psiquiatria, 4 radioterapia, 10 médicos do trabalho e 1 vaga para broncoesofagologia, cirurgia de cabeça e pescoço, cirurgia cardíaca, cirurgia vascular, cirurgia plástica, cirurgia torácica, genética médica, geriatria, alergia e imunologia.

Os médicos selecionados receberão salário de R$ 3.949,22, para uma jornada de trabalho de 20 horas semanais. Já para os técnicos em enfermagem são 400 vagas mais formação de cadastro reserva enquanto para técnico em saúde, na especialidade de técnico de laboratório de hematologia e hemoterapia são 12 vagas e formação de cadastro e salário é de R$ 1.724,91 em regime de 24 horas semanais. A prova objetiva de conhecimentos básicos e específicos, que tem caráter eliminatório e classificatório será no dia 2 de dezembro.

Os novos concursos disponibilizam vagas para cumprir a demanda de funcionários da SES/DF. No ano passado foram nomeados 537 médicos e 1.315 auxiliares de enfermagem. Neste ano já foram 376 nomeações de médicos, além de 592 contratos temporários. Foram convocados, ainda, 772 técnicos em enfermagem e 34 técnicos em hemoterapia e hematologia.

O prazo de validade do concurso público é de dois anos, contados a partir da data de publicação da homologação do resultado final no Diário Oficial do Distrito Federal, podendo ser prorrogado, uma única vez, por igual período, por conveniência administrativa. O cadastro-reserva somente será aproveitado mediante a abertura de vaga, atendendo aos interesses de conveniência e de oportunidade do Governo do Distrito Federal.

Raquel Teixeira