Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
10/02/14 às 18h27 - Atualizado em 30/10/18 às 15h10

Mulheres Mastectomizadas é tema de exposição no HMIB

COMPARTILHAR

Objetivo é mostrar a importância da prevenção do câncer de mama

O Hospital Materno Infantil de Brasília (HMIB) apresentará até o dia 14 de fevereiro a exposição “Recomeço”, da Associação de Mulheres Mastectomizadas de Brasília, que tem como objetivo conscientizar o público feminino quanto à importância da realização do diagnóstico precoce do câncer de mama.

A exposição retrata a história de 22 mulheres associadas à Recomeçar que tiveram a mama reconstruída após mutilação decorrente do tratamento contra a doença. “Queremos afirmar e ilustrar as possibilidades de reinicio de uma vida plena após a percepção inicial de mutilação que a mastectomia produz no imaginário feminino”, explica a presidente da associação Recomeçar, Joana Jeker.

De acordo com o Instituto Nacional do Câncer (Inca), o câncer de mama é o segundo tipo mais frequente no mundo e o mais comum entre as mulheres, respondendo por 22% dos casos novos a cada ano. Na população mundial, a sobrevida média após cinco anos é de 61%.

A servidora Paula Raiol, de 45 anos, foi diagnosticada com câncer de mama em 2013. Ela relembra que no início do ano passado, fez um auto-exame e detectou um nódulo no seio. “Achei que era uma glândula qualquer e demorei a fazer a mamografia. Só após alguns meses procurei um médico e descobri que era câncer. Confesso que fiquei preocupada e chorei bastante, mas graças a Deus pude contar com apoio dos familiares e colegas de trabalho”, comenta a servidora.

Paula já passou por uma mastectomia e seis sessões de quimioterapia, mas continua a luta contra a doença. Hoje, esta na nona sessão de radio terapia e ainda precisa passar por outras 16.

“Sei que ainda tenho um longo caminho a trilhar, mas estou pronta para percorrer com muita disposição. Acho importante esse tipo de iniciativa para ajudar aquelas mulheres que estão com medo e não possuem apoio”, comenta.

O HMIB conta atualmente com três mastectologistas que fazem atendimento ambulatorial, cirurgias para a retirada do tumor e a mastectomia das pacientes atendidas na unidade. O restante do tratamento como a quimioterapia e radioterapia é realizado no Hospital de Base do Distrito Federal (HBDF).

Previna-se:

• Faça exercícios físicos
• Tenha uma alimentação saudável
• Evite excesso de peso
• Amamente o seu bebê
• Diminua o consumo de álcool
• Faça exame clínico das mamas uma vez por ano
• Todas as mulheres, independente da idade, devem ser examinadas anualmente
• Faça mamografia- especialmente se tiver entre 50 a 69 anos
• Se houver câncer de mama na família, faça acompanhamento médico, a partir dos 35 anos de idade.

Por Ludmila Mendonça, da Agência Saúde DF
Atendimento à imprensa:
(61) 3348-2547/2539 e 9862-9226

Leia também...