Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
10/09/15 às 13h12 - Atualizado em 30/10/18 às 15h12

Música embala pacientes e servidores no HMIB

COMPARTILHAR

Todas as quintas, show de voluntários traz esperança e relaxamento

BRASÍLIA (10/9/15) – Todas as quintas-feiras, nas Unidades de Terapia Intensiva Materna, Pediátrica e no setor de Alto Risco do Hospital Materno Infantil de Brasília (HMIB), voluntários do grupo Amigos do Hospital da Asa Sul (AMHAS) oferecem às pacientes internadas e aos servidores das unidades boa música e descontração.

Os dois violeiros voluntários escolheram um repertório especial composto por músicas religiosas popularmente conhecidas para trazer esperança e fazer todos cantarem juntos. Segundo Carlos dos Santos, militar da reserva e instrumentista, o trabalho que realiza no HMIB o faz se sentir útil e feliz. “Proporcionar momentos alegres para esses pacientes não tem preço, é pura alegria.”

Para a fisioterapeuta Fabiana Busnello a iniciativa foi muito positiva. “Achei ótimo. A música traz alegria. Foi um momento de relaxamento entre servidores, pacientes e seus acompanhantes que até cantaram juntos e pediram bis aos violeiros”.

O enfermeiro Jamar Estáquio Alves achou o projeto inovador e ressaltou a contribuição para o bem estar dos pacientes, principalmente, para o público da UTI Materna que é composto por mulheres que estão, na maior parte do tempo, conscientes e possuem poucas opções de distração. “Gostei muito e aqui no HMIB é bem inovador. Estávamos acostumados a músicas nos corredores apenas em dias especiais. A ação constante dentro de um ambiente tão pesado como a UTI nos ajuda relaxar”, relata o enfermeiro.

Alessandra Resende, técnica de enfermagem, considera a música uma terapia, uma conexão com o mundo externo, uma vez que as pacientes ficam isoladas no ambiente controlado. “A música faz diferença para elas. Traz pensamentos positivos e alegria que muitas vezes ficam esquecidos por causa do ambiente hospitalar”, explica Alessandra.

A associação AMHAS conta hoje com 16 colaboradores que atuam nas mais diversas áreas do hospital levando informação, suporte emocional e material. No Alto Risco, por exemplo, ensinam trabalhos manuais como bordado, ponto de cruz e crochê.

Saiba mais:

A Associação dos voluntários do HMIB (AMHAS) – atua no HMIB desde 1995. Para ser um voluntário, basta entrar em contato pelo telefone 9261-2167.
Para ajudar: Todo quinto dia útil do mês no HMIB é realizado um bazar para arrecadar fundos e comprar o material necessário para os enxovais.