Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
19/11/15 às 18h08 - Atualizado em 30/10/18 às 15h13

Obras do Centro de Saúde 11 de Ceilândia serão retomadas

COMPARTILHAR

Em visita à região, secretário de Saúde anunciou autorização do empenho para que a reforma continue

BRASÍLIA (19/11/15) – As obras da reforma do Centro de Saúde 11 de Ceilândia, que estavam paradas há aproximadamente um ano e meio, serão retomadas. O anúncio foi feito pelo secretário de Saúde, Fábio Gondim, em visita a região administrativa nesta quinta-feira (19). Na unidade, que possui área construída de 1,5 mil m², eram atendidas cerca de 2 mil pessoas diariamente.

“Esse local tem uma estrutura muito boa e não pode ficar parado. Temos que aumentar a resolutividade nos centros de saúde e não deixar estruturas como essa fechadas”, destacou Gondim, ao informar que já está garantido o primeiro empenho no valor de aproximadamente R$200 mil para que a empresa continue a executar os serviços.

O subsecretário de Infraestrutura e Logística, Marco Antônio Júnior, que acompanhou a visita, detalhou que valor total da obra é de cerca de R$1,3 milhão, mas como a obra já havia sido iniciada, falta apenas a execução de aproximadamente metade desse montante.

“Ainda faltam repassar R$ 796 mil para a empresa responsável. Com esses R$ 200 mil, restam R$ 596 mil, que serão captados por emendas parlamentares já negociadas”, informou.

As obras estavam paradas desde setembro de 2014. Enquanto o serviço não termina, os pacientes são atendidos no Centro de Saúde número 7.

VISITA – A equipe da Secretaria de Saúde, composta por gestores da pasta e pelo Grupo Multidisciplinar de Ações Estratégicas em Saúde (Gmaes), também visitou uma antiga estrutura da pasta, que havia sido cedida para a Polícia Militar, mas foi devolvida em 2014 e, agora, está sendo utilizada como galpão.

“Aqui, temos que fazer diversos reparos”, destacou Gondim, ao determinar que imediatamente fossem feitas as intervenções. A ideia é que, posteriormente, o local seja transformado em um ponto de atendimento da Estratégia Saúde da Família. Ao fim da visita, o secretário também passou pelo Hospital Regional de Ceilândia.

Leia também...