Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
17/04/13 às 20h04 - Atualizado em 30/10/18 às 14h58

Pacientes elogiam serviços na Casa de Parto de São Sebastião

Parto humanizado e recuperação rápida são destaques

A Casa de Parto de São Sebastião, que realizou 1.173 partos até o início de abril, recebe gestantes que procuram serviço humanizado e ambiente tranquilo. “Aqui as parturientes se sentem satisfeitas e bem acolhidas, pois recebem assistência individualizada e respeitosa”, destaca a chefe da unidade, Jussara Vieira.

Naiara Caroline Mesquita de 32 anos, moradora do Guará, procurou atendimento no Hospital Materno Infantil de Brasília (HMIB) e após avaliação foi encaminhada para a Casa de Parto, onde na manhã dessa quarta-feira (17) deu à luz ao segundo filho, João Enzo. Acompanhada durante todo o parto pela mãe, Marlene Mesquita, Naiara ficou maravilhada com o atendimento. “Toda a equipe teve muita paciência comigo e foi muito bom ter meu filho aqui.” Já Marlene Mesquita diz que o atendimento na Casa de Parto “é de primeiro mundo”.

Moradora do Bairro São José, em São Sebastião, Elisangela Gomes, de 26 anos, comemora o nascimento da segunda filha, Lorena, nessa terça-feira (16). Para o marido dela, Delfino Gonçalves, “o atendimento foi muito bom, gostamos muito. Tive a oportunidade de acompanhar o parto de minha mulher e à partir de agora vou dar muito mais valor as mulheres”. Elisangela, que irá para casa nesta quinta-feira (18), agradeceu à equipe o atendimento recebido. “Gostei de tudo aqui. Foi ótimo, muito bom mesmo” completa.

O parto humanizado é uma opção para gestantes que buscam participar ativamente do nascimento do filho. O modelo implementado na Casa de Parto de São Sebastião atende a portaria n° 985/99 do Ministério da Saúde, que institui Centros de Partos Normais e determina suas diretrizes de funcionamento. A Casa nasceu em 2009, funciona 24 horas por dia e é composta por uma equipe de enfermeiros obstetras e técnicos de enfermagem, que oferecem acompanhamento e assistência em tempo integral.

A Casa de Parto acolhe, avalia e orienta as gestantes, parturientes e puérperas. Os casos que não se adequam ao atendimento pelo enfermeiro obstetra são encaminhados para o Hospital Regional do Paranoá – referencia mais próxima – ou para uma Unidade Básica de Saúde (UBS), sem prejuízo para a gestante ou para o bebê.

O parto neste serviço é indicado apenas para mulheres com gravidez de baixo risco, que não passam por procedimentos cirúrgicos ou intervenções médicas para dar à luz. Para serem atendidas no local, as mães precisam ter feito o pré-natal completo de, no mínimo, seis consultas, nunca ter passado por uma cesariana e não apresentar indicativo de gravidez de risco, como por exemplo, pressão alta . O serviço traz benefícios como estabilidade emocional e tranquilidade, uma vez que a paciente pode escolher uma pessoa da família para ficar ao seu lado durante o parto. Além disso, desde o nascimento o bebê fica junto à mãe.

O espaço físico da Casa de Parto é composto por dois consultórios, duas salas de parto, sendo uma com banheira, seis leitos de alojamento conjunto (três leitos em cada uma das duas enfermarias), uma sala de cuidados com o recém-nascido e reanimação neonatal, um posto de enfermagem e uma varanda para acesso das pacientes internadas. A casa de Parto fica no Centro de Múltiplas Atividades, conjunto 10, Centro, São Sebastião.

Marina Ávila