Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
17/05/18 às 14h47 - Atualizado em 30/10/18 às 15h19

População do Pôr do Sol, em Ceilândia, ganha UBS mais perto de casa

 

Solenidade de entrega da nova UBS 17, no P Sul, em Ceilândia – Foto: Matheus Oliveira

 

Ceilândia ganhou, nesta quinta-feira (17), a Unidade Básica de Saúde (UBS) 17, localizada na EQNP 16/20, no Setor P Sul.

 

Com capacidade para atender aproximadamente 16 mil pessoas, a unidade funcionará de segunda a sexta-feira, das 7h às 19h, e aos sábados, das 7h ao meio-dia.

 

Serão atendidos no local parte dos moradores das QNPs 16 e 20, do Setor P Sul, além da comunidade do Setor Habitacional Pôr do Sol, que antes buscava assistência em locais mais distantes, como as UBS 6 e 9, também no P Sul.

 

A UBS possui 725 metros quadrados, nove consultórios médicos e quatro odontológicos, além de quatro ambientes de acolhimento e farmácia. Há, ainda, salas para coleta laboratorial, curativos, vacinação, medicação, esterilização e área administrativa.

 

“Além de melhorar o atendimento para toda a população, que vai resolver grande parte dos seus problemas próximo da sua moradia, as UBSs e a atenção primária, através da Estratégia Saúde da Família, organizam o restante da rede pública de saúde do DF”, afirmou o governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg, presente na cerimônia.

 

SUPORTE – Com quatro equipes funcionando no modelo Estratégia Saúde da Família (ESF), a unidade possui 49 profissionais, sendo quatro médicos, quatro enfermeiros, quatro dentistas, quatro técnicos em higiene dental, 10 técnicos de enfermagem, três técnicos administrativos e 20 agentes comunitários de saúde (ACS).

 

Segundo o secretário de Saúde, Humberto Fonseca, a UBS 17, mesmo estando no P Sul, conseguirá atender a 100% da população do Pôr do Sol.

 

“Temos agora 75 equipes em Ceilândia, todas trabalhando no sistema Saúde da Família. Somente na UBS 17, temos uma equipe de saúde bucal para cada equipe Saúde da Família. Isso, sem dúvida, é algo acima do que tem no DF inteiro”, ressaltou.

 

Unidade também oferece atendimento odontológico – Foto: Matheus Oliveira

 

Para a médica de família e comunidade Letícia Lemos, a nova unidade é um avanço em relação as condições em que trabalhava. “Agora temos salas mais espaçosas, ar-condicionado, serviços sem atraso, com os usuários sendo bem triados. Foi uma mudança excelente, não só para os pacientes como para os servidores”, elogiou.

 

Com a nova UBS, Ceilândia já possui 16 unidades básicas de saúde em funcionamento. A próxima na região administrativa tem previsão de ser inaugurada entre o fim de maio e início de junho.

 

SUSTENTÁVEL – As obras, ambientalmente responsáveis, contam com uma estrutura sustentável que possibilita a reutilização da água da chuva e um telhado pronto para receber placas fotovoltaicas.

 

O espaço recebeu o investimento de R$ 2,3 milhões, recursos do Ministério da Saúde e do Governo de Brasília.

 

SERVIÇOS – A UBS 17 oferece serviços fundamentais como atendimento médico, odontológico e de enfermagem, em todos os ciclos de vida, ofertando consultas em pré-natal, acompanhamento do crescimento e desenvolvimento de crianças, atendimento a pacientes crônicos, pequenos procedimentos cirúrgicos, imunização, com atendimento domiciliar

 

Também realiza coleta de exames laboratoriais, dispensação de medicamentos, bem como práticas integrativas e atendimento comunitário às demais necessidades, conforme perfil epidemiológico do território.

 

NOVIDADES – Rodrigo Rollemberg anunciou na solenidade que mais cinco unidades básicas de saúde estão licitadas, e nas próximas semanas, será dada ordem de serviço para começar a construir uma UBS em Planaltina.

 

“As outras, em processo de licitação, estão no Paranoá Parque, Jardins Mangueiral, Vale do Amanhecer e no Buritizinho, que são comunidades que precisam muito da atenção primária”, disse.

 

Outra iniciativa também foi destacada pelo governador. “Nos próximos dias, estaremos publicando a nomeação de 200 pediatras para a rede pública de saúde do DF, além de dentistas e profissionais de saúde bucal”, informou.

 

TEXTO: Leandro Cipriano, da Agência Saúde

População do Pôr do Sol, em Ceilândia, ganha UBS mais perto de casa ​