Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
17/08/21 às 17h15 - Atualizado em 17/08/21 às 17h46

Publicado edital para contratação de 100 médicos temporários

Saúde também convoca 363 profissionais temporários, que têm até cinco dias para apresentação

 

JOHNNY BRAGA, GUILHERME PEREIRA, DA AGÊNCIA SAÚDE-DF

 

A Secretaria de Saúde publicou, nesta terça-feira (17), o edital nº 46 para contratação temporária de 100 médicos de clínica médica que atuarão na linha de frente no combate ao novo coronavírus Sars-CoV-2. A contratação será por meio de processo seletivo simplificado emergencial cujas inscrições poderão ser feitas na página do Instituto AOCP, via internet, a partir das 8h do dia 20 de agosto até as 23h59 do dia 24 de agosto.

 

Os profissionais contratados atuarão nos hospitais do Gama, de Planaltina, Sobradinho, da Região Leste, Ceilândia, Brazlândia, Asa Norte, Taguatinga e Ceilândia. O período inicial dos contratos dos aprovados é de 12 meses com possível prorrogação por igual período. Os profissionais atuarão com carga horária semanal de 20 horas cuja remuneração mensal é de R$ 6.327. Ao mesmo tempo, a Secretaria de Saúde convocou 363 profissionais temporários, dos quais 95 são enfermeiros, 113 técnicos em enfermagem, 80 padioleiros e 75 motoristas. Eles têm até cinco dias para se apresentar com a documentação exigida.

 

 

Todos os detalhes da contratação podem ser obtidos no Diário Oficial do Distrito Federal. Em caso de dúvidas, os candidatos podem enviar e-mail para gesp.sesdf@gmail.com. O resultado final do processo seletivo será divulgado em 2 de setembro no site da Secretaria de Saúde e no DODF.

 

“A Secretaria de Saúde tem envidado todos os esforços para garantir a assistência à população durante a pandemia. Diante disso, estamos realizando esse processo seletivo setorizado para médicos de clínica médica”, afirma a subsecretária de Gestão de Pessoas, Silene Almeida.

 

Mais profissionais para a rede

 

O Governo do Distrito Federal segue ampliando a força de trabalho na rede pública de Saúde. Na última segunda-feira (16), a Secretaria de Saúde convocou 363 profissionais temporários, dos quais 95 são enfermeiros, 113 técnicos em enfermagem, 80 padioleiros e 75 motoristas. Os servidores têm um prazo de 5 dias para se apresentar com a documentação exigida. Após a formalização, iniciam imediatamente em suas respectivas funções.

 

A contratação temporária é uma ferramenta de reforço imediato às equipes de saúde da Rede. Para a subsecretária de Gestão de Pessoas, Silene Almeida, este reforço é de extrema importância, tanto para quem trabalha, quanto para quem é atendido nas unidades de saúde. “Desde a vigência da Lei Federal nº 173, uma das determinações do governador Ibaneis, e também do secretário de Saúde, Osnei Okumoto, foi que não houvesse déficit ou prejuízo na assistência por falta de profissionais de saúde. Temos implementado essas ações de nomeação durante toda a pandemia, completando as equipes com profissionais temporários até que a gente possa realizar novos concursos”, explica.

 

A Lei Complementar n° 173/2020 restringe o aumento dos gastos públicos, permitindo a nomeação de concursados apenas nas vacâncias dos cargos. Com isso, o GDF passou a utilizar a única estratégia disponível para incrementar as equipes no enfrentamento do novo coronavírus. Ao todo são 725 profissionais de saúde em fase de nomeações e de contratações.