Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
10/04/19 às 11h25 - Atualizado em 10/04/19 às 11h25

Região Sudoeste faz último evento preparatório à 10ª Conferência Distrital de Saúde

COMPARTILHAR

Participantes elaboraram propostas de melhorias para o SUS

 

“As conferências regionais e a Distrital são muito importantes e a nossa missão é construir a saúde junto com vocês”, destacou a subsecretária de Atenção à Saúde, Renata Rainha, na abertura da Conferência Regional de Saúde da Região Sudoeste. Mais de 400 pessoas lotaram o Centro Cultural Taguaparque, em Taguatinga, nesta quarta-feira (10), para debater a saúde como direito, a consolidação e o financiamento do Sistema Único de Saúde.

 

Como presidente do evento, a superintendente regional, Lucilene Florêncio, destacou o papel de cada um na conferência: “Temos uma grande missão, uma grande responsabilidade de construir propostas factíveis, propostas que possam contribuir com a saúde do país”. Fazem parte da região Sudoeste as administrações regionais de Taguatinga, Vicente Pires, Águas Claras, Recanto das Emas e Samambaia.

 

As palestras do dia abordaram temas como “Saúde como direito”, “Consolidação dos princípios do Sistema Único de Saúde – SUS” e “Financiamento adequado e suficiente para o SUS”, com a participação de especialistas da Universidade Federal de Brasília (UnB) e da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). Em um segundo momento, grupos de trabalho, divididos pelas temáticas apresentadas, formularam propostas levadas ao debate na plenária final.

 

AGRADECIMENTO – Sendo este o último evento nas regiões, a presidente do Conselho Distrital de Saúde, Lourdes Cabral Piantinno, destacou: “Esta é a sétima conferência regional de preparo para a 10ª Conferência Distrital de Saúde. Estamos aqui para discutir saúde. Doença a gente tem todo dia. Vivemos em uma sociedade doente e adoecida. Precisamos nos unir para fortalecer o SUS e uma saúde de qualidade”.

 

Tanto as conferências regionais quanto a distrital são organizadas pelos conselhos de saúde, com o auxílio das superintendências e das administrações regionais.

 

OUTROS ENCONTROS – Desde o dia 26 de março, as conferências vêm acontecendo. A primeira foi a da Região Norte, que compreende Sobradinho, Planaltina e Fercal. Em 27 de março, foi a vez da Região Central (Brasília e Cruzeiro). Depois, a Região Centro-Sul (Candangolândia, Núcleo Bandeirante, Estrutural, SIA, SCIA, Park Way, Guará e Riacho Fundo I e II ) realizou os debates nos dias 3 e 4 de abril.

 

Na última sexta-feira (5), o encontro movimentou os participantes da Região de Saúde Oeste, que abrange Ceilândia e Brazlândia. E, no sábado (6), foi a vez de as regiões Leste e Sul realizaram seus debates.

 

Josiane Canterle, da Agência Saúde

Leia também...