Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
5/08/13 às 18h13 - Atualizado em 30/10/18 às 15h06

Semana Mundial de Amamentação no Hospital Materno Infantil

COMPARTILHAR

Palestras, roda de conversa e aconselhamento

Cerca de 40 pessoas participaram da programação da 22ª Semana Mundial de Amamentação, nesta segunda-feira (05), no Hospital Materno Infantil de Brasília (HMIB).

Mães e funcionários do hospital assistiram palestras, receberam aconselhamentos e tiraram dúvidas de como amamentar o filho. “Achei essencial a realização do evento porque mostrou a importância de amamentar e doar o leite”, conta a paciente do Banco de Leite do HMIB, Ariadne Borges, 29 anos. Ela é mãe de um bebê de dois meses e meio e relata que já precisou de doações de leite para alimentar o filho.

“Quando ele nasceu meu leite demorou a descer e tive que recorrer às doações. Hoje, eu consigo amamentá-lo e ainda doo leite para outras crianças. Sou muito grata às funcionárias do banco, pois me ajudaram com a alimentação do meu filho e me ensinaram a massagear os seios e estimulá-los para conseguir amamentar corretamente”, concluí.

Segundo a pediatra e Coordenadora do Programa de Atenção Integral a Saúde da Criança (PAISC), Márcia Caldas, o leite materno possuí vários benefícios, entre eles, prevenir doenças em crianças, combater câncer de mama nas mães e aumentar o vínculo entre a mãe e o bebê.

“É importante que a mãe amamente o filho apenas com leite materno até os seis meses de idade, e depois de inserir outros alimentos, continue amamentando até dois anos ou mais para prevenir doenças”, explica a pediatra.

A Coordenadora do Banco de Leite da Secretaria de Saúde do Distrito Federal, Miriam Santos, comenta que a semana do aleitamento é comemorada em mais de 120 países, desde 1992. A iniciativa é realizada pela Aliança Mundial para Ação em Aleitamento Materno (WABA), que todo ano escolhe um tema diferente para ser debatido durante a Semana Mundial de Amamentação.

“Cada ano é um tema diferente. Neste, estamos discutindo o apoio às mães que amamentam. O objetivo é mostrar para a sociedade o que podemos fazer para apoiar essas mulheres”, comenta Miriam.

Ludmila Mendonça