Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
8/07/13 às 14h36 - Atualizado em 30/10/18 às 15h06

SES promove socialização e cidadania na Escola de Avós

COMPARTILHAR

Objetivo é oferecer atividades que possam contribuir para o crescimento cognitivo, bem estar e promoção da saúde


A Subsecretaria de Atenção Primária à Saúde, por meio do Núcleo de Saúde do Idoso, da Secretaria de Saúde do Distrito Federal (SES/DF), vem mexendo com a vida do pessoal da melhor idade. Trata-se de um programa “Escola de Avós” para pessoas acima dos 60 anos, cujo objetivo é oferecer aos cidadãos idosos diversas atividades que possam contribuir para o crescimento cognitivo, bem estar e promoção da saúde.

Atualmente o DF conta com uma população de 203 mil idosos. Segundo a chefe do Núcleo da Saúde do Idoso, reumatologista Helenice Teixeira Gonçalves, o programa das “Escolas de Avós” consiste na abertura de um espaço público em cada uma das 15 regionais de saúde do DF, em um sábado de cada mês, pela manhã, das 8h30 às 12h, onde são desenvolvidas atividades de socialização e cidadania do idoso.

“A “Escola de Avós“ promove um envelhecimento ativo, saúde e interação social, previne doenças e agravos e estimula a prática de atividades físicas”, relata a médica.

O projeto é desenvolvido pelo Núcleo de Saúde do Idoso, Diretoria dos Ciclos de Vida e Práticas Integrativas de Saúde da Subsecretaria de Atenção Primária à Saúde.

Cada regional tem um coordenador da Saúde do Idoso, que juntamente, com as parcerias dos Centros Olímpicos da Secretaria de Esporte e Lazer, Secretaria de Ação e Transferência de Territórios, Escola Técnica de Saúde (Etesb), Sesc, Corpo de Bombeiro Militar e Pastoral da Pessoa Idosa dão apoio as atividades.

O Programa oferece diversas atividades como, aferição da pressão arterial, verificação da glicemia capilar, teste de um minuto para identificar fatores de riscos da osteoporose e atividade física.

Cada regional dispõe de uma programação com atividades como, saúde bucal, oficinas de memória (aplicação de uma atividade especifica para memória por um psicólogo), educação alimentar (supervisionada por nutricionista) e orientação sobre direitos do idoso.

De acordo com Helenice Gonçalves, o pessoal da melhor idade preenche um cadastro e recebe orientação quanto à saúde em geral, saúde bucal e dos benefícios sociais. Faz ainda, aferição de pressão arterial, glicemia e participa das atividades práticas integrativas como, dança sênior, automassagem e tai chi chuan.

A “Escola de Avós” teve início em novembro de 2010, em Ceilândia. Em 2011 foi estendida a quatro regionais de Saúde: Recanto das Emas, Sul, Guará e Brazlândia. Atualmente, 15 regionais promovem o programa.

Cronograma

 13 de julho – Recanto das Emas

Local: Escola Classe 102, da Quadra 102

03 de agosto – Ceilândia

Local: Corpo de Bombeiros Militar (Hélio Prates)

03 de agosto – Samambaia

Local: Centro Olímpico

24 de agosto – Planaltina

Local: Centro de Saúde

24 de agosto – Gama

Local: Centro Olímpico

28 de agosto – Taguatinga

Local: Centro Cultural do Taguaparque

31 de agosto – Guará

Local: Centro de Saúde Especial n° 01

31 de Agosto – Riacho Fundo

Local: Centro Olímpico

07 de setembro – Ceilândia

Local: Corpo de Bombeiros Militar (Hélio Prates)

18 de setembro – Taguatinga

Local: Centro Cultural do Taguaparque

28 de Setembro – Guará

Local: Centro de Saúde Especial n° 01

28 de Setembro – Gama

Local: Centro Olímpico

 05 de outubro – Ceilândia

Local: Corpo de Bombeiros Militar (Hélio Prates)

05 de outubro – Samambaia

Local: Centro Olímpico

09 de outubro – Ceilândia

Local: Corpo de Bombeiros Militar (Hélio Prates)

20 de outubro – Gama

Local: Centro Olímpico

23 de setembro – Taguatinga

Local: Centro Cultural do Taguaparque

26 de outubro – Planaltina

Local: Centro de Saúde

23 de novembro – Guará

Local: Centro de Saúde Especial nº 1

23 de novembro – Gama

Local: Centro Olímpico

27 de novembro – Taguatinga

Local: Centro Cultural do Taguaparque

O7 de dezembro – Samambaia

Local: Centro Olímpico

14 de dezembro – Gama

Local: Centro Olímpico

 

Júlio Duarte

Leia também...