Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
1/12/14 às 20h00 - Atualizado em 30/10/18 às 15h11

SES realiza Semana Distrital de combate à Dengue

COMPARTILHAR

Objetivo é conscientizar sobre a doença e controlar a disseminação 

A Secretaria de Saúde do DF realiza, do dia 1 a 6 de dezembro, a Semana Distrital de combate à Dengue. A iniciativa é parte da data nacional do “Dia D de combate à Dengue”, realizado este ano excepcionalmente no dia 6 de dezembro.

A fim de conscientizar as crianças, algumas escolas receberão stands, palestras e teatros sobre a doença (ver programação ao final da página). No dia 6 haverá panfletagem em locais de grande fluxo de pessoas, como os supermercados Extras e Pão de Açúcar do Gilberto Salomão e Rodoviária. Agentes de saúde e de vigilância ambiental também irão visitar locais de maior incidência da doença para eliminar focos de transmissão e proliferação do mosquito.

Em 2014, foram registrados 13.400 casos de dengue no DF. As regiões mais críticas são Planaltina, Gama, São Sebastião e Sobradinho II. De acordo com o chefe de assessoria de mobilização da dengue do DF, Júlio César Trindade, é preciso evitar o descaso. “Por conta do período da seca, muita gente abandona objetos que podem acumular água no quintal e se esquece de removê-los na época da chuva. Isso pode ocasionar no acúmulo de água”.

Júlio também atenta para as calhas, que acumulam poeira e terra, obstruindo a passagem de água e causando reservatórios que podem servir de local para proliferação do mosquito. “É possível controlar o mosquito. Basta que as pessoas consigam identificar esses locais de acúmulo de água e os eliminem. É recomendável, também, que após às chuvas as pessoas andem pela residência para procurar poças e outros locais com água parada”, explica.

Dengue

A doença é transmitida pelo mosquito aedes aegypti, que se prolifera usando a água parada. É caracterizada, principalmente, pela febre alta, cansaço, dores musculares, indisposição, enjoos e vômitos. Se não for tratada, a dengue pode se tornar hemorrágica, causando sangramento e queda de pressão arterial, elevando o risco de morte.

Em casos de suspeita de dengue, o paciente deve ir rapidamente a um Centro de Saúde mais próximo, hospital ou UPA. Toda a rede de saúde do DF possui teste de diagnóstico rápido da doença. Se for identificada a doença, o paciente é medicado. Agentes de vigilância são enviados ao local em que o paciente foi infectado para eliminar os focos do mosquito.

Programação

Data: 1 de dezembro (segunda-feira); Local e hora: Centro de Ensino Fundamental Centro de Ensino Fundamental Arapoanga – Área Central Rua 08 I- Planaltina/DF Vespertino (14:00h); Contato: Eunice (Diretora) 3901-4555; Atividade: Stand e Palestra sobre Dengue.

Data: 2 de dezembro (terça-feira); Local e hora: Caic Júlia Kubitschek de Oliveira – AR 13,Conj. 03 AE 01 – Setor Oeste – Sobradinho II Sobradinho/DFMatutino (10:00h-11:00h) Vespertino (14:00h-15:00h); Contato: Contato: Fátima 3901-7969 ou Jailma Cel: 9135-1725 Atividades: Teatro, Stand e Palestra

Data: 4 de dezembro (quinta-feira); Local e hora: Caic Carlos Castello Branco – EQ 20/23 – Área Especial –Gama /DF Matutino (10h-11h) e Vespertino (14h-15h) Contato: Ieda: (Vice Diretora)Fone: 3901-8098 Atividade: Teatro, Stand e Palestra

Data: 6 de dezembro “Dia D” (sábado); Local e hora: Supermercados Extra, Pão de Açúcar do Gilberto Salomão e Rodoviária; Atividade: Panfletagem para conscientização.