Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
17/10/12 às 18h46 - Atualizado em 30/10/18 às 14h57

Unidade Móvel da Mulher realizou 557 exames em uma semana, no Gama

COMPARTILHAR

     

Na primeira semana de atendimento as moradoras do Gama, a Unidade Móvel de Saúde da Mulher realizou 557 exames. No estacionamento do Centro Olímpico, ao lado do Estádio Bezerrão, já foram feitas 200 mamografias, 199 ecografias e 158 exames preventivos de câncer ginecológico. Além da carreta, uma unidade móvel de Estratégia Saúde da Família com dois consultórios atende as pacientes para coleta de material para exame preventivo e profissionais de saúde oferecem atividades educativas, aferição de pressão arterial e dosagem de glicemia. Desde o lançamento da Unidade, em março, já foram realizados 20.242 exames.

O atendimento no Gama continua até o dia 26, de segunda a sexta-feira, das 8h às 12 e das 13h às 17h. Para a realização dos exames é necessário apresentar documento de identidade com foto, cartão do SUS e comprovante de residência já que os resultados serão entregues nas unidades básicas de saúde do Gama. O pedido médico só é exigido para os exames de ecografia, sendo dispensado para mamografia e ginecológico.

Segundo a Diretora de Atenção Primária á Saúde,  Ilma  Maria Souza, equipes das unidades básicas do Gama se organizaram no sentido de facilitar o acesso às pacientes. “Adotamos a estratégia de trabalhar com quantitativo adequado de servidores no acolhimento às demandas de forma ágil e humanizada”, informou.

A equipe que coordena os trabalhos no Gama é composta de um ginecologista, enfermeiros auxiliares de enfermagem e agentes comunitários de saúde. As ecografias são feitas logo após o atendimento, com divulgação dos resultados em sete dias úteis, enquanto os resultados dos exames preventivos ginecológicos são encaminhados para os centros de saúde de referência.

Antes do Gama, a Unidade Móvel de Saúde da Mulher já esteve no Condomínio Pôr do Sol, Condomínio Sol Nascente (Ceilândia), Núcleo Rural Taquara (Planaltina), Cidade Estrutural, Paranoá/Itapoã, Nova Colina (Sobradinho), São Sebastião, Areal, Riacho Fundo II, Recanto das Emas, Estância Nova, em Planaltina e Santa Maria. Depois do Gama a carreta seguirá para Brazlândia.

 Eliane Simeão