Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
1/02/18 às 17h29 - Atualizado em 30/10/18 às 15h18

Vigilância lança projeto Cine Debate SVS

Iniciativa exibirá, mensalmente, um filme focado em temas de saúde

BRASÍLIA (1º/2/18) – De olho na promoção da saúde do servidor, foi lançado nesta quinta-feira (1º) o projeto Cine Debate SVS. Promovido pela Gerência de Agravos Não Transmissíveis (Gedant), da Subsecretaria de Vigilância à Saúde (SVS), a ideia é realizar um encontro mensal entre os profissionais com a apresentação de um filme, seguido por uma roda de conversa.

Cerca de 20 servidores participaram da abertura do projeto, o que corresponde a 50% dos profissionais que atuam no setor, que funciona no Estádio Nacional Mané Garrincha. Eles assistiram “Nise: Coração da Loucura”, que trata do cuidado com o paciente diagnosticado com transtorno mental. O tema foi escolhido em razão do Janeiro Branco, mês de promoção da saúde mental.

“Temos diversos profissionais de saúde: médicos, enfermeiros, técnicos, nutricionistas, psicólogos e farmacêuticos. Sabemos que a saúde mental é pouco falada, mas temos ciência que é importante cuidar da mente desses profissionais para que eles cuidem melhor da população”, disse a nutricionista Débora Barbosa, da Gedant.

FOTO BAIXA 3 CINEMA JANEIRO BRANCO a psicóloga Janemary Mangabeira, gerente de Saúde Mental da Subsecretaria de Segurança e Saúde no Trabalho (SubSaúde), da Secretaria de Planejamento e Gestão

Para participar da conversa, a SVS convidou a psicóloga Janemary Mangabeira, gerente de Saúde Mental da Subsecretaria de Segurança e Saúde no Trabalho (SubSaúde), da Secretaria de Planejamento e Gestão. “O encontro de hoje foi para discutir a identidade de cada servidor e como isso afeta o ambiente de trabalho. O adoecimento mental é uma das principais causas do afastamento do servidor. Essa é uma ação de promoção e prevenção da saúde”, disse Mangabeira.

A enfermeira Rejane Soares elogiou a ação: “Esse encontro foi ótimo para refletir sobre a saúde mental e como encaramos essa doença, principalmente, a depressão”, disse.

Os encontros continuarão sendo realizados na última quinta-feira de cada mês. O próximo está marcado para 22 de fevereiro.