UPA 24h

A Unidade de Pronto Atendimento (UPA 24h) atende casos emergenciais e, quando necessário, encaminha aos demais serviços hospitalares de maior complexidade no DF.

Quem procurar um hospital da rede pública de saúde em situações de baixa complexidade (sem risco de morte) será orientado a buscar a Unidade Básica de Saúde (UBS) mais próxima de sua residência.

Quando procurar o serviço: 
– Parada cardiorrespiratória
– Dor no peito/dor cardíaca
– Falta de ar/dificuldade para respirar
– Convulsão
– Vômitos ou diarreias que não param
– Vômitos com sangue
– Dor abdominal, de moderada a grave
– Dor de cabeça intensa
– Rigidez na nuca
– Queda súbita de pressão
– Elevação de pressão arterial, a partir de 160×100 MMH
– Dor aguda
– Alergia severa (coceira e vermelhidão intensa pelo corpo)
– Envenenamento
– Tentativa de suicídio
– Dor e inflamação nos dentes

Pacientes graves: são encaminhados diretamente ao Box de Emergência (UTI) da UPA (Sala Vermelha). Se necessitarem de internação em UTI, por um período maior que 24h será encaminhado para um dos hospitais do DF.

Pacientes em observação: são encaminhados para a Sala de Observação (Sala Amarela) e nela permanecem por, no máximo, 24h. Se necessitarem ficar mais tempo em observação, a equipe providenciará a transferência para os hospitais que tiverem vaga. As transferências são feitas de forma segura, em ambulância própria, ou, quando necessário, na ambulância do SAMU.

Pacientes em estado pouco urgente: recebem atendimento médico e medicação. Se o médico achar necessário, a UPA oferece suporte para exames de emergência e raio-x.

Confira as UPAs nas regiões de saúde do DF:
Brazlândia
Ceilândia
Ceilândia II
Gama
Núcleo Bandeirante
Paranoá
Planaltina
Recanto das Emas
Riacho Fundo II
Samambaia
São Sebastião
Sobradinho
Vicente Pires

Confira o Manual Instrutivo da Rede de Atenção às Urgências e Emergências no Sistema Único de Saúde (SUS).