04/05/2022 às 20h05 - Atualizado em 04/05/2022 às 20h11

Saúde entrega certificados a unidades e superintendências

Segunda edição do Contratualiza SES celebra desempenhos de acordos de gestão

Willian Matos, da Agência Saúde DF | Edição: Margareth Lourenço

Ocorreu na segunda-feira (2), na sede da Secretaria de Saúde, a cerimônia de premiação do Contratualiza SES, programa que celebra os desempenhos de unidades e regiões de saúde referente aos acordos de gestão local e regional no ano de 2021.

Foram entregues certificados para as unidades. A premiação se deu em níveis ouro, prata e bronze. Ficou com o certificado nível bronze aquela que atingiu 40% nos indicadores do acordo de gestão regional; ganhou o nível prata quem ficou acima de 63%; e conquistou o ouro as unidades com acima de 80%.

Duas unidades alcançaram o nível ouro: a Superintendência Regional de Saúde Leste e o Hospital de Apoio de Brasília. O superintendente da Região Leste, Sidney Sotero, disse destacou o esforço coletivo. “Cumprimento a todos os servidores da Administração Central. Vocês não sabem como o trabalho de vocês faz diferença para a gente lá na ponta”, agradeceu.


A Superintendência Regional de Saúde Leste e o Hospital de Apoio de Brasília alcançaram o nível Ouro nos acordos de gestão. Foto: Sandro Araújo - Agência Saúde DF

Ficaram com o nível prata as Superintendências Regionais de Saúde Central, Centro-Sul, Oeste, Norte Sul e Sudeste, além do Hospital Materno Infantil e do Complexo Regulador do DF. O hospital São Vicente de Paulo atingiu o nível bronze.

O secretário de Saúde, general Manoel Pafiadache, ressaltou a importância de se valorizar os trabalhadores da Pasta por meio de premiações como a do Contratualiza SES. “Apesar de todas as nossas dificuldades, ainda há espaço para valorizar o trabalho do nosso servidor”, citou. “Esse prêmio mostra qualidade e a entrega dos nossos hospitais, UBSs, UPAs”, complementou.

O secretário-adjunto de Assistência à Saúde, Pedro Zancanaro, também exaltou os servidores e os bons resultados conquistados, “mesmo em situação de adversidade”. “Trabalhar com saúde por si só é adverso, porque você costuma atender o paciente em momento que ele está feliz”, declarou.

O coordenador da Atenção Primária à Saúde (APS), Fernando Erick Damasceno, celebrou as melhorias nos indicadores referentes à atenção primária. “Todo nosso esforço foi direcionado e isso nos trouxe grandes resultados”, afirmou.

O diretor de Gestão Regionalizada, Guilherme Mota Carvalho, explicou detalhes sobre os acordos de gestão. “Envolvemos todas as áreas da SES, inclusive as regiões de saúde, que vão nos trazer suas capacidades instaladas e os perfis epidemiológicos de cada região, para elaborarmos indicadores e metas que melhorem a assistência em cada região. Uma vez pactuado esse acordo, as regiões de saúde se debruçam em planos de ação.”


O secretário de Saúde, general Manoel Pafiadache, ressaltou a importância de se valorizar os trabalhadores da Pasta por meio de premiações como a do Contratualiza SES. Foto: Sandro Araújo - Agência Saúde DF

Sobre o prêmio

O prêmio Contratualiza SES ocorre no âmbito do Acordo de Gestão Regional de Saúde, firmado pelo Decreto nº 37.515, de 26 de julho 2016. Esse acordo envolve a Administração Central, as superintendências das regiões de saúde e as unidades de referência distrital (URDs). A primeira edição, referente ao desempenho das regiões de saúde em 2020, foi realizada no ano passado.